Notícia

Polémica

Cristiano Ronaldo paga 15 milhões de euros para fugir à prisão

Devido aos crimes de fuga ao fisco de que é acusado, o craque português arrisca uma pena de prisão efetiva de um mínimo de 7 anos e uma multa de 28 milhões de euros.
Por Carolina Cunha | 21 de junho de 2017 às 15:50
O craque português foi recentemente acusado de fraude fiscal pela Autoridade Tributária espanhola. Os três delitos em causa terão sido cometidos entre 2011 e 2014 e envolvem uma quantia de cerca de 14 milhões de euros – rendimentos provenientes de direitos de imagem.

Se for provada a fuga ao fisco espanhol, Cristiano Ronaldo arrisca uma pena de prisão efetiva de um mínimo de 7 anos e uma multa de 28 milhões de euros.
A carregar o vídeo ...
;
Segundo o jornal 'Cope', CR7 pagará cerca de 15 milhões de euros (são 14,8 milhões) para atenuar a possível pena que poderá vir a cumprir, basicamente um acordo para evitar ir a julgamento e sentar-se no banco dos réus. 

...
Cristiano Ronaldo

O jornal espanhol acrescenta ainda que "se a juíza determinar que houve delito e o português tivesse decidido não chegar a acordo e ir a julgamento, correria o risco de ser preso pois trata-se de três delitos".

Ronaldo vai depor no âmbito deste processo a 31 de julho, às 10 horas no tribunal de Pozuelo de Alarcón, em Madrid.

Apesar de todas as suspeitas de fuga ao fisco e o risco de prisão, o internacional português garante estar de consciência tranquila e que consegue "dormir descansado" em relação às acusações, de que tem sido alvo, por parte das autoridades fiscais espanholas.

Recorde-se que Jorge Mendes também está a ser alvo de inquérito nesta gigantesca investigação sobre evasão fiscal no meio futebolístico, o que veio ameaçar a amizade entre o jogador e o empresário. 


Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Newsletter

Subscrever Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável