pub

Notícia

Polémica

Cristiano Ronaldo paga 15 milhões de euros para fugir à prisão

Devido aos crimes de fuga ao fisco de que é acusado, o craque português arrisca uma pena de prisão efetiva de um mínimo de 7 anos e uma multa de 28 milhões de euros.
Por Carolina Cunha | 21 de junho de 2017 às 15:50
Jorge Mendes apostou em Cristiano Ronaldo quando o craque era um miúdo, levando-o para o Manchester United. O futebolista e o seu agente tornaram-se amigos e Mendes até é o padrinho de batismo do filho mais velho do craque, Cristianinho, hoje com 7 anos de idade. Jorge Mendes e Ronaldo quando o craque português ganhou a sua primeira 'Bota de Ouro', em 2008, quando estava ao serviço do Machester United. Cristiano Ronaldo e Cristianinho com Marisa e Jorge Mendes. É a filha de Jorge Mendes quem gere toda a carteira de contratos de publicidade do craque. Ronaldo com o agente e amigo mas também a mãe, Dolores, e o pequeno Cristianinho, noutro momento importante da carreira do jogador. Cristiano Ronaldo e Jorge Mendes: uma amizade fundada nos negócios Cristiano Ronaldo e Jorge Mendes: uma amizade fundada nos negócios Uma foto de família alargada, com Ricardo Regoufe e Marisa Mendes Cristiano Ronaldo e Jorge Mendes: uma amizade fundada nos negócios Cristiano Ronaldo e Jorge Mendes: uma amizade fundada nos negócios Uma refeição descontraída de Ronaldo com Regoufe e Marisa Mendes
Cristiano Ronaldo e Jorge Mendes: uma amizade fundada nos negócios
O craque português foi recentemente acusado de fraude fiscal pela Autoridade Tributária espanhola. Os três delitos em causa terão sido cometidos entre 2011 e 2014 e envolvem uma quantia de cerca de 14 milhões de euros – rendimentos provenientes de direitos de imagem.

Se for provada a fuga ao fisco espanhol, Cristiano Ronaldo arrisca uma pena de prisão efetiva de um mínimo de 7 anos e uma multa de 28 milhões de euros.
A carregar o vídeo ...
;
Segundo o jornal 'Cope', CR7 pagará cerca de 15 milhões de euros (são 14,8 milhões) para atenuar a possível pena que poderá vir a cumprir, basicamente um acordo para evitar ir a julgamento e sentar-se no banco dos réus. 

Cristiano Ronaldo

O jornal espanhol acrescenta ainda que "se a juíza determinar que houve delito e o português tivesse decidido não chegar a acordo e ir a julgamento, correria o risco de ser preso pois trata-se de três delitos".

Ronaldo vai depor no âmbito deste processo a 31 de julho, às 10 horas no tribunal de Pozuelo de Alarcón, em Madrid.

Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos
Cristiano Ronaldo voltou aos treinos depois de ter sido pai de gémeos

Apesar de todas as suspeitas de fuga ao fisco e o risco de prisão, o internacional português garante estar de consciência tranquila e que consegue "dormir descansado" em relação às acusações, de que tem sido alvo, por parte das autoridades fiscais espanholas.

Recorde-se que Jorge Mendes também está a ser alvo de inquérito nesta gigantesca investigação sobre evasão fiscal no meio futebolístico, o que veio ameaçar a amizade entre o jogador e o empresário. 


Mais notícias de Nacional

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Newsletter

Subscrever Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável