Notícia

Casas Reais

Meghan Markle obrigada a cortar relações com o pai após entrevista polémica... mais uma

Thomas Markle não se cala e todos os dias tem algo a dizer sobre a filha e a família real. "O que mais me irrita é o seu ar de superioridade", arremete contra Meghan, que se viu forçada a cortar qualquer contacto com o pai.
02 de agosto de 2018 às 14:16
Dá vontade de perguntar a Thomas Markle "Por qué no te callas", tal como Juan Carlos, na altura rei de Espanha, fez a Hugo Chavez, o falecido presidente da Venezuela. Isto, porque o antigo diretor de iluminação está constantemente a  criticar publicamente a filha, a nova duquesa de Sussex, e toda a família real britânica. 
É evidente que as palavras de Thomas Markle têm causado bastantes constrangimentos a Meghan. A tomar fé nas declarações mais recentes do pai da mulher do príncipe Harry, a duquesa já terá cortado relações com o progenitor: "Dói-me muito que ela me ignore por completo", revelou em entrevista ao 'Mail on Sunday'.
"Tinha um contacto telefónico dos seus assistentes pessoais, mas depois de ter dito que a família real estava a mudar a Meghan, fizeram de tudo para me silenciarem. No próximo dia 4 de agosto faz anos e eu quero enviar-lhe um postal. Mas se o envio para o Palácio de Kensington, ou onde queira que esteja a viver, será um entre milhares. Provavelmente nunca o verá", disse.
"Recuso-me a permanecer calado. O que mais me irrita é o ar de superioridade de Meghan. Ela não seria nada sem mim. Fui eu que fiz dela a duquesa que é hoje", garantiu na referida entrevista que está a provocar muitos dissabores aos duques de Sussex.



Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Newsletter

Subscrever Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável