pub
Pedro Chagas Freitas
Pedro Chagas Freitas Dicionário do Amor

Notícia

Número

Número: s.m. Aquilo que, para os cabrões, significa tudo — o que é mais uma prova de que não valem nada. Nada do que vale a pena na vida é contável.
16 de outubro de 2017 às 09:33
...
Número
Foto: istock

Não sabia o que fazer. Nunca ninguém sabe, na verdade, o que fazer. Todos vamos esboçando respostas a perguntas que nem sabemos que existem. Esta mulher não sabia, então, o que fazer. Estava diante de um momento definitivo — há lá algum momento que não seja definitivo?

Nada é definitivo, acabou de dizer Luísa Maria, a sua amiga de sempre. Para que servem as amigas de sempre? 

Cá fora, à entrada do escritório onde as duas amigas se perdiam em divagações filosóficas, um homem como outro qualquer olhava para o interior de uma loja de automóveis — daqueles de brincar, claro. Chamava-se Guilherme e acreditava no amor à primeira vista: era isso, na verdade, o que estava a sentir por aquele Ferrari de tamanho médio que tinha na sua mão direita, na sua imaginação. Resolveu entrar para tentar a sua sorte, ou o seu azar, nunca se sabe de que massa é feito o momento. Entrou, de sorriso nos lábios e desejo por todo o lado.

Luisa Maria e a amiga, de quem ainda não sabemos o nome, continuavam no seu escritório, nas suas divagações. Até que uma delas, não se sabe ao certo qual, disse um nome.

­— Guilherme.

Relacionadas Nota Nexo Nadar Nação Mundo Mudar

Saiu-lhe assim.

— Guilherme.

Simplesmente assim.

— Guilherme.

Não seria nada de especialmente interessante, não fora dar-se o caso de ela, esta mulher (nenhuma das duas mulheres, para sermos mais concretos), não conhecer nenhum Guilherme. Nenhum. Nada. E no entanto:

— Guilherme. 

Guilherme, o tal, estava já no interior da loja de brinquedos, que ele levava mais a sério do que a vida inteira. Ser criança é levar a brincadeira mais a sério do que tudo o resto, e nem assim deixar que a brincadeira se torne numa coisa séria — como se fosse possível viver em cima de um trapézio (e é: efectivamente viver em cima de um trapézio é a única forma de vida, o resto são sub-vidas, ou quase-vidas, ou vidinhas, ou vidinhinhas).

— Lamento, mas não.

O homem que o atendeu, que era também o homem que já o atendera dezenas ou centenas de vezes anteriormente, não estava com meias palavras.

— Lamento, mas não.

A vida começa sempre que alguém nos diz "Lamento, mas não".
Foi isso mesmo o que aconteceu com Guilherme.

Basta ler o que se segue para saber porquê — e como.

[fim]

Número: s.m. Medição, pura e simples, da quantidade. Ninguém é maior por ter mais ou por encontrar mais; apenas por procurar mais.

Mais notícias de Pessoas como Nós

Infelizes para sempre

Infelizes para sempre

Dez anos depois está sentado na minha sala a beber chá. Pergunto-lhe como está a vida, a mulher, os dois filhos. Responde com um sorriso triste, "todos os dias penso numa maneira de me divorciar".

Vantagem para a RTP

Num ano cheio de notícias de grande impacto, os três generalistas reagiram bem, com algumas excepções. Já no cabo, as estações passaram a agir como se se preparassem para fechar os canais de notícias.
É tempo de sonhar...

É tempo de sonhar...

Ai, se eu pudesse voltar a sonhar como dantes, mesmo que fosse a preto e branco. A magia da televisão vai crescendo por estes dias e atinge de forma indiscriminada milhões de pessoas que acabam por ser acometidas pelas mesmas reminiscências.
Ofender

Ofender

Ofender: v. Aquilo que só fazes a quem te ama; quando alguém que não amas te ofende não te ofende coisa nenhuma — e é sequer pensar que o faz que é ofensivo.

Violência juvenil

É certo que a culpa é de quem matou e a eles devem ser imputada a responsabilidade criminal sobre o sucedido. Em matéria criminal, essas duas dimensões da nossa existência social é individual.
SIC e TVi24: tiros nos pés

SIC e TVi24: tiros nos pés

A SIC acaba com ‘Juntos à Tarde’, de João Baião e Rita Ferro Rodrigues, em menos de um ano. E a TVI24 quase parece a BTV… Um desastre total.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Newsletter

Subscrever Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável