Pedro Chagas Freitas
Pedro Chagas Freitas Dicionário do amor

Notícia

Ofuscar

Ofuscar: v. Capacidade para fazeres do que sentes aquilo que vês; só o que te ofusca te apaixona.
25 de dezembro de 2017 às 07:00
...
Ofuscar
Foto: Getty Images

Tanta gente afundada no trânsito e ele passa a pedalar com uma perna só,

é a que tem,

anda de bicicleta ao pé-coxinho,

e ri-se,

eu continuo armado em importante no carro, o ar condicionado, a música, e armado em triste quando nada me falta,

que imbecil é o que passa a vida a tentar descobrir-lhe as faltas,

o frio lá fora e ele na bicicleta,

vou chamar-lhe Pessoa só para lhe dar um nome,

é proibido andar ali de bicicleta, muito menos ao pé-coxinho, mas ele lá anda,

proibido é parar, quando perdi uma perna aprendi a saltar, e se perder a que tenho juro que aprendo a voar,

os heróis são pessoas iguais às outras,

só com mais medos, talvez também com menos talento,

mas com muito mais coragem,

Pessoa na sua bicicleta, uma pedalada atrás da outra com uma de intervalo,

um dia experimento andar de bicicleta só a pedalar de um lado para ver como é ser Pessoa assim,

passa por nós, um sorriso malandro, compaixão, até,

quão grande se tem de ser para sentir compaixão por quem não nos entende?,

passa pela polícia e acena,

nem uma multa recebe, só um aceno de volta,

há pessoas que todas as pessoas reconhecem, e basta isso para serem perdoadas,

nenhuma pessoa merece castigo por falhar com falhas de pessoa, distracções, pulsões, arrebatamentos, pedaços incompletos, palavras a mais ou a menos,

nenhuma pessoa merece castigo por falhar com falhas de pessoa,

o trânsito continua caótico, eu continuo atrasado, a vida continua como estava antes de aquele homem com apenas uma perna passar a perna a toda a gente,

e na verdade sou outra pessoa,

Pessoa como ele, tão-só,

um dia vou dar aulas de felicidade, mas para já não,

e explica porquê,

para já não me faria feliz,

faz sentido, e é sentido,

um dia vou dar aulas de felicidade mas agora não que estou feliz assim,

e está,

no interior do carro vou para o meio do teu abraço, agradeço-te estares, agradeço-me estar,

estou cada vez mais atrasado, e feliz,

quem quiser que espere, eu vou lá chegar,

nem que seja ao pé-coxinho,

rio-me sozinho, ris-te comigo,

amar é rirmo-nos sozinhos e ainda assim acompanhados,

ao longe a bicicleta, mais pessoas a olhá-lo, boca aberta, a incapacidade de perceber que muitas vezes o desprezo é uma forma de inveja,

o meu por ele é,

e de agradecimento também,

obrigado, Pessoa,

o trânsito passou e acabei de passar por ele,

apetece-me buzinar-lhe, pedir-lhe que encoste, dar-lhe um abraço,

que o que nos apeteça nunca deixe de ser tentado,

eu tentei,

o abraço dele é a dois braços, em cima da bicicleta, num equilíbrio impossível,

como a vida,

obrigado, Pessoa,

e ele agradece, segue em frente,

como se não fosse nada,

e não é, apesar de ser tudo,

no final das contas a vida é aquilo que se vive como se não fosse nada,

apesar de ser tudo.

 

Ofuscar: v. Movimento que, apesar de limitar a visão, nos abre os olhos; só quem ama ofusca — e se deixa ofuscar.

Mais notícias de Esquadra de polícia

Jogo de espelhos

Jogo de espelhos

Pablo Iglésias, o justicialista e populista de ontem, o defensor de uma moral pretensamente proletária, comprou agora um apartamento pelo mesmo preço que o Luis de Guindos comprara.
Goucha perdeu

Goucha perdeu

O que ganhou o apresentador ao suceder a Teresa Guilherme em ‘Casa dos Segredos’? Mais dinheiro. Apenas isso, porque este ‘reality show’ não é para ele.
Vestidos compridos e outros fantasmas

Vestidos compridos e outros fantasmas

O problema com a beleza é que nos tolda em relação à verdadeira essência humana. Nunca ninguém conseguiu provar cientificamente que as pessoas bonitas são boas pessoas. Pelo contrário, a vida vai, não raro, mostrando que o oposto prevalece. Conheço verdadeiros diabretes com cara de anjo, cabelos ondulados à princesa da Disney e sorrisos cândidos próprios de quem não parte um prato.
A milícia de Alcochete

A milícia de Alcochete

A imagem de um conjunto de jovens encapuzados, a correr de forma agressiva na direcção da câmara, tem uma tal força e impacto que alterou a relação da sociedade com a violência no desporto.
Querer

Querer

Querer: v. O que realmente comanda a vida. Quem mudou o mundo não foram os sonhadores; foram os queredores: os que quiseram tanto que acabaram por fazer mesmo o que tanto quiseram.
Esperando os incêndios

Esperando os incêndios

Começa a cheirar a verão e, com ele, os incêndios estão à porta. Entramos nesta época carregando os traumas e o horror das tragédias do ano passado.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Newsletter

Subscrever Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável