Notícia

Casas Reais

Cada vez pior! Filho de rainha Isabel II, André, abdica da vida pública após ser arrasado em escândalo sexual

O duque de York pediu a Isabel II, e ela não hesitou. Soberana britãnica exige saída do filho de todos os cargos públicos por causa dos alegados abusos sexuais em que se viu envolvido no caso Jeffrey Epstein e retirou-lhe vencimento.
20 de novembro de 2019 às 19:06
Filho de Isabel II está cada vez mais acossado pela pressão de escândalo sexual
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
duque de york
É mais um prego na imagem do duque de York. O filho de Isabel II viu-se obrigado a pedir à mãe para deixar todos os cargos públicos no seguimento da entrevista que deu à BBC onde tentava justificar a sua amizade com o milionário Jeffrey Epstein, empresário que morreu na prisão e que estava acusado de vários crimes sexuais, entre eles o de organizar orgias com outros famosos... e onde supostamente André participou.

Agora o duque emitiu um comunicado oficial onde diz ser melhor afastar-se depois de nos últimos dias se ter tornado claro que a sua amizade com o milionário é muito tóxica para a família real inglesa... e que as suas justificações só pioraram a situação.

Assim, a rainha aceitou o pedido e dispensou o filho de todos seus deveres reais.

...
Comunicado oficial

"Ficou claro para mim nos últimos dias que as circunstâncias que envolvem a minha antiga relação com Jeffrey Epstein tornou-se um enorme problema para o trabalho da minha família e o válido trabalho em várias instituições e organizações de caridade que tenho o orgulho de apoiar.

Assim, pedi a Sua Majestade se poderia afastar-me das minhas responsabilidades públicas no futuro, e ela deu a sua permissão.

Vou continuar a arrepender-me do meu mau julgamento em relação a Jeffrey Epstein. O seu suicídio deixou muitas questões sem respostas, em particular para as suas vítimas, e eu simpatizo profundamente com todos os que foram afetados e desejam alguma forma de encerrar este caso. Claro que estou disponível para ajudar todas as forças de autoridade com as suas investigações, se for preciso".

Estas declarações do príncipe André surgem após meses de constantes notícias que o ligam diretamente aos escândalos sexuais no caso Jeffrey Epstein. A monarca britânica não aguentou mais a pressão, instituições de solidariedade e caridade, a que a André estava ligado, começaram a distanciar-se da Casa Real. Isabel II acabou por obrigar o filho a tomar esta decisão e retirou-lhe o vencimento de 290 mil euros.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável