Notícia

Atualidade

Esforço dos portugueses começa a mostrar resultados: Casos confirmados de covid-19 crescem menos de 10%

Em 24 horas o número de mortos em Portugal com o coronavírus aumentou de 119 para 140. A taxa de crescimento dos casos confirmados é a mais baixa desde o início da pandemia e caiu para metade face a ontem.
30 de março de 2020 às 13:57
...
Esforço dos portugueses começa a mostrar resultados: Casos confirmados de covid-19 crescem menos de 10%
Foto: Cofina Media

O número de vítimas mortais em Portugal devido ao novo coronavírus aumentou para 140, o que traduz uma subida de 21 face a ontem, quando estavam contabilizados 119 óbitos, anunciou a DGS esta segunda-feira, 30 de março.

Quanto ao número de infetados (casos confirmados), aumentou  7,48% para 6.408. Ontem, o número de infetados tinha subido 15,3% para 5.962, pelo que em termos absolutos a subida de casos foi de 446.

O crescimento diário do número de mortos em termos absolutos aumentou (21 contra 19 ontem), sendo que a taxa de crescimento desceu ligeiramente (18% contra 19% ontem).

Verifica-se também uma desaceleração na taxa de crescimento do número de infetados (7,48% contra 15,3% ontem), bem como na variação em termos absolutos (446 contra 792 ontem).

A taxa de crescimento do número de infetados é a mais baixa desde o início da pandemia. Em termos absolutos, o aumento é o mais reduzido desde 24 de março.

A carregar o vídeo ...

Tendo em conta o número de infetados e de vítimas mortais, a taxa de letalidade subiu para 2,2%, contra 2% ontem.

Segundo o boletim diário da DGS, há 74 mortos no Norte (mais de metade do total), 30 na região de Lisboa e Vale do Tejo, 34 no centro e 2 no Algarve. Os Açores, Madeira e Alentejo continuam sem vítimas mortais a lamentar.

Entre as 140 vítimas mortais, 85 têm mais de 80 anos, 31 entre 70 e 79, 16 entre 60 e 69, 6 entre 50 e 59 e 2 com idade entre 40 e 49 anos. O rapaz de 14 anos de Ovar que faleceu no domingo e estava infetado com covid-19 não consta no relatório. 52 são mulheres e 88 homens.  

O número de casos suspeitos aumentou para  44.206 (ontem estava em 38.042) e 4845 pessoas aguardam resultados de testes laboratoriais (5.508 ontem). Existem apenas 43 casos recuperados, os mesmos dos últimos dias. 

O número de pessoas em vigilância pelas autoridades é agora de 11.482 (17.785 ontem).




Mais de 500 doentes internados

 

Os dados indicam que dos 6.408 casos confirmados, 571 estão internados, 184 dos quais em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI). Verifica-se assim uma subida do número de internados (17%, contra 486 ontem) e nos internados nos cuidados intensivos (33% contra 138 ontem).


Assim, 2,87% das pessoas infetadas estão internadas em cuidados intensivos. Do total, 8,91% dos infetados estão internados.

A região Norte (3.801) continua a ser a região que regista o maior número de casos confirmados, com mais de metade do total. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo (1.577), região Centro (784) e Algarve (116). Há 41 casos nos Açores, 44 na Madeira e 45 no Alentejo.

Do total de infetados, 1.325 têm 70 ou mais anos (1.190 ontem). Com mais de 80 anos são 657. 

Em baixo estão os casos por concelho. A DGS assinala que nestes dados por concelho a informação reportada é relativa a 75% dos casos confirmados.



Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Anónimo Há 19 horas

Pinealoma s?­ntomas de diabetes.

Cl?­nica de diabetes ucsd. ??Puedo comer pulsos en la dieta ceto?
Dieta de pescado para bajar de peso. Ayudame por favor.!! El resultado final proporciona muchas ventajas ver a continuaci??n. El caso es que luego tuve un problema ??Puedo comer pulsos en la diet

Emma Silva Há 4 semanas

Chata em casa ... menina de 19 anos está procurando um homem para fazer sexo e compartilhar fotos de sexo! ...
escreva-me - GetMeets.com

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;