Notícia

Polémica

Insólito. Dado Dolabella diz que agrediu Luana Piovani... porque comia carne

O ator brasileiro, que atualmente é vegan, justificou o episódio de violência doméstica com uma declaração polémica.
19 de julho de 2018 às 13:50
Dado Dolabella tornou-se vegan em 2015 e, desde então, é um dos maiores ativistas  brasileiros do movimento anti-carne.

Agora, o ator, de 37 anos, está a dar que falar, depois de ter justificado um episódio de violência doméstica do seu passado... com o facto de ser carnívoro na altura. Em 2008, Dado foi preso por ter agredido a namorada a altura, a atriz Luana Piovani. Já este ano, foi sentenciado a uma pena de prisão efetiva por não pagar a pensão de alimentos ao filho que teve com Fabiana Vasconcelos Neves. 

Elisa Oliveira, uma jornalista brasileira, deixou um comentário nas redes sociais que irritou o ator. "Não adianta ser vegan e bater nas 'minas' e não pagar pensão, né, Dado!", escreveu.

Indignado, Dado respondeu prontamente, explicando que só era violento porque comia carne. 

"Quando aconteceu o que você falou, há mais de 10 anos, eu comia muita carne. Era mais um 'carnilson' idiota e cego! E hoje, sendo vegano, afirmo com toda certeza: a violência que a gente ingere é a violência que a gente exala! Leia o livro A Política Social da Carne e veja inclusive que além da violência, o carnivorismo está totalmente ligado ao machismo", escreveu o ator.

...
A mensagem polémica de Dado Dolabella
Apesar a estranha explicação, Dado também já assumiu o erro, em entrevista ao programa 'Domingo Espetacular', este ano. "Foi um erro na minha vida, uma coisa que nunca queria ter passado. É horrível, humilhante, foi um ato covarde. Foi uma reação covarde a um momento que a gente estava vivendo na relação que eu não quero falar", afirmou.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável