Notícia

Entrevista FLASH!

Margarida Marinho assume porque desapareceu: "Fui-me embora, mas não saí do país..."

Atriz afastou-de das novelas, escreveu um livro e participou na série 'Vidago Palace' da RTP. Em entrevista diz que sente-se bem com o seu corpo e que a idade só é um problema porque a máquina começa a acusar algum desgaste, mas garante que não fez nenhuma plástica.
Por Hugo Alves | 30 de abril de 2017 às 11:53
Margarida Marinho mostra-se sexy aos 54 anos
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho
Margarida Marinho

Tem 54 anos e é uma das atrizes mais reconhecidas de Portugal. Durante muitos anfos foi protagonista de novelas, agora diz que quer dedicar-se mais a séries e a telefilmes. Margarida Marinho dá uma entrevista à 'TV Guia' onde revela que nunca fez nenhuma plástica mas garante que se sente sexy e sedutora. Leia alguns dos principais excertos das palavras da atriz, que pode ler na totalidade na revista 'TV Guia', já nas bancas.

Esteve na ribalta, durante anos, e desapareceu subitamente…
Fui-me embora, mas não sai do país...

Precisava de um tempo para si, depois de 'O Beijo do Escorpião' e 'Poderosas'?
Precisava de experimentar outros registos, de fazer ficção de outra forma, e tive a sorte que isso acontecesse. Tudo começou com o Vidago Palace, e espero que vá continuar com novos projectos, que ainda não posso revelar. Mas vou trabalhar com a RTP.

A carregar o vídeo ...

Estava cansada de fazer novelas?
Não, estava cansada do processo. Estava cansada de estar continuamente no pequeno ecrã e de ultrapassar sempre os 120 episódios. Isso foi um ponto assente. Acho que, mais do que os 120 episódios, é um esforço inglório numa produção, porque não acompanha a pujança da escrita, da equipa, dos realizadores, actores e técnicos.

O que é que a atraiu em 'Vidago Palace'?
O formato, a narrativa... tudo. E o texto está muito bem construído. Depois, havia uma disponibilidade de todos para este trabalho.

A carregar o vídeo ...

Agradou-lhe que a produção fosse toda no local, no próprio 'Vidago Palace'?
Sim, o desafio de ter que deixar Lisboa, deixar o meu tempo, o meu enquadramento do século XXI e regressar a um tempo que não conhecia, mas que o cenário nos obrigava a consumir todos os dias foi excelente. Chegámos a dormir no quarto onde foram feitas as gravações. Estivemos na época durante 24 horas por dia.

Preparou-se para fazer de uma espécie de Carmen Miranda como?
Com tudo o que havia na Internet. E olhem que é muito.

...
Margarida Marinho Foto: Carlos Ramos

MÃE PROTECTORA

Foi difícil ir para longe, deixando em Lisboa a família, em especial a sua filha, Carlota?
Tive a sorte da minha filha poder acompanhar uns dias de gravações, porque o Liceu Francês estava fechado. Ela esteve lá. Adorou! E foi a nossa mascote durante algum tempo. Ela, só de olhar para a Anabela [Teixeira], para o Pedro [Barroso]... Ai, o Pedro Barroso [risos], foi uma sorte danada que ela teve. 

É uma mãe muito dedicada?
Se sou mãe-galinha? Talvez, não sei. Depende do conceito. Sou uma mãe protectora às vezes, e outras não. Tenho consciência de libertar o pinto que ela é. Vivo a tactear o registo.

Entretanto, ficou com mais tempo livre. O que faz agora?
Escrevi um romance infanto-juvenil.

Dedicado à sua filha?
Não, dedicado a todas as crianças.

Ela tem veia artística?
Ela tem uma energia muito própria que está ligada às artes. Agora, o que vai ser, não tenho a mínima ideia.

Falou da sua filha. Mas tem um filho, Manel, mais velho…
Tem 23 anos.

Teme que ele saia de casa?
Já saiu!

Custou-lhe?
Não, mas janta comigo com regularidade, lá em casa. É um tempo bom! Ele é uma pessoa inteligente, culta, mas que já está no seu caminho para ter a sua própria voz. Tem a opinião formada, adora esta ligação dos pais à arte. E é giro ver isso. 

Mas é uma mãe…
… que telefona, que quer saber coisas. Menos, recentemente [risos]. Teve que ser!

A carregar o vídeo ...

PAIXÕES, FAMíLIA e RELIGIÃO

É verdade que está apaixonada?
Ora bem, digamos que é um tema que não vou abordar. Estou é grata à vida, por essa parte do qual eu me nego a entrar em detalhes.

O amor então é para…
A minha família! Porque eu sou eles e eles sou eu. Gosto muito de ser mãe. 

São muito ligados?
Sim, mesmo quando nos desencontramos nas opiniões, há uma ligação que é ilógica, mas que tem um afecto muito forte. Não me consigo desligar deles.

...
Margarida Marinho Foto: Carlos Ramos

SEXY E SEM DRAMAS COM A IDADE

Fez 54 anos em Janeiro. Incomoda-a ver a idade a avançar?
Incomoda-me continuar a ter a mesma energia e vermos que a nossa mecânica não acompanha a nossa cabeça. O corpo engasga-se.

Mas preocupa-a ter 54 anos e a sua filha ter apenas oito?
Nada. Tenho uma facilidade, porque trabalhei do ponto de vista espiritual, em olhar para o presente e não para o futuro.

Quer dizer, este número não a assusta?
Para já, não. O que me preocupam são as taxas e os impostos. Estes, os meus anos, ainda não me preocupam.

Sente-se sexy?
Então não [faz um gesto de diva]! Claro que sim. Ser sexy faz parte do ser feminina.

Como é que se mantém em forma?
[Risos] Por causa dos 54, tenho algum cuidado. Descobri médicos que têm muito a ver com isto do antienvelhecimento e, por isso, mudei a alimentação, embora ainda coma bastante [risos]. E gosto imenso de cozinhar. Mas sou mais selectiva, e voltei a ter consciência de que o exercício físico é necessário, porque corpo e mente precisam de estar em sintonia. 

 

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;