Notícia

Revelação

Robbie Williams à beira da loucura: "Tenho uma doença que me quer matar e está na minha cabeça"

Esta foi a primeira vez que o cantor britânico falou tão abertamente sobre os problemas mentais que afectam a sua vida, obrigando a longos períodos de ausência.
28 de fevereiro de 2018 às 19:16
"Tenho uma doença que me quer mater e está na minha cabeça, pelo que me tenho de proteger dela" esta revelação foi feitra pela estrela da pop britânica em entrevista ao jornal 'The Sun'. Embora fosse do conhecimento público os problemas psicológicos do cantor, este nunca havia falado tão abertamente sobre o assunto. 

"Feliz ou infelizmente, se me limito aos meus próprios recursos, tendo a sabotar tudo" revela desassombradamente Robin Williams, para prosseguir: "Há vezes em que [a doença] me oprime e outras em que é uma ferramenta da qual necessito para subir ao palco. Por vezes vivo feliz e é maravilhoso. Mas a maior parte do tempo sou humano, tenho uma experiência humana, trato de lidar com as provas e tribulações do que acontece na minha cabeça".

Nesta mesma entrevista, o músico acedeu em falar dos seus demónios e receios sobre a sua própria mortalidade quando foi questionado sobre a sua amizade com o falecido George Michael e com cuja carreira não consegue deixar de admitir que há muitas semelhanças.

"Foi uma montanha russa muito similar. Sinto falta do George e gostaria que estivesse aqui. 2016 foi uma ano terrível em que desapareceraçam muitos dos nossos heróis. Tomas consciência de que não és imortal", e conclui: "Depois de 43 anos dás-te conta, mesmo tendo o que tenho, não és invencível. Por isto, daqui para frente passarei a cuidar muito mais de mim".



Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável