Notícia

Atualidade

Autópsia afasta cenário de crime de jogador da Fiorentina

Ritmo cardíaco abrandou e os órgãos entraram em falência. Autópsia confirma que Astori morreu devido a problemas cardíacos.
06 de março de 2018 às 19:53
...
Autópsia afasta cenário de crime de jogador da Fiorentina
Davide Astori, o jogador da Fiorentina que morreu domingo no quarto do hotel onde a equipa estava instalada, em Udine, morreu devido a um problema cardíaco. A autópsia realizou-se esta terça-feira e já foram reveladas as causas da morte.

Segundo explicou Antonio De Nicolo, procurador geral da cidade de Udine, à imprensa italiana, "a causa da morte terá sido cardíaca, sem evidências macroscópicas, provavelmente em bradicardia [n.d.r.batimento cardíaco fraco], com congestão polivesceral forte e edema pulmonar".

O responsável adiantou ainda que serão realizados "exames histológicos [n.d.r. aos tecidos] aprofundados e necessários".

Ou seja, o ritmo cardíaco do jogador abrandou, a pulsação baixou de tal forma que os órgãos entraram em falência.

O futebolista de 31 anos morreu mesmo devido a uma paragem cardiorrespiratória. A polícia italiana ainda admitiu a hipótese de homicídio, mas a autópsia dissipou todas as dúvidas.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável