Notícia

Trump na Casa Branca

Filho pequeno de Trump não mora na Casa Branca. Saiba as verdadeiras razões

Barron, de 10 anos, vai ficar a morar em Nova Iorque. Desde que lançaram suspeitas de que o menino sofre de autismo, a mãe Melania decidiu proteger o filho.
23 de janeiro de 2017 às 17:14
Melania Trump poderá não voltar para o marido
Melania, a primeira dama dos EUA, mas está a ser aconselhada a divorciar-se do marido
Barron é o único filho de Melania e Donald Trump
O Presidente e a mulher, na noite da tomada de posse, 11 de janeiro de 2017
Barron brinca com o sobrinho, Theodore, de dez meses, durante a tomada de posse do pai
Barron teve dificuldades em manter-se acordado durante o discurso de vitória do pai, que decorreu às 3 da manhã. O menino é usado como justificação para a mãe se manter a morar em Nova Iorque.
Melania Trump numa saída noturna, nas ruas de Nova Iorque
Barron a bocejar, no dia da tomada de posse do pai, ao lado da mãe. A postura corporal rígida de Melania leva alguns especialista a especular que já esteja separada do marido, Donald Trump
Donald Trump com a atual mulher, a terceira, e o filho Barron, em bebé
Donald Trump e Melania Trump
barron trump
barron trump
barron trump
barron trump
barron trump
Pouco se sabe sobre Barron Trump, o filho mais novo Donald Trump, de apenas dez anos. O menino, que é o único filho de Donald e Melania, volta e meia é notícia devido a alguns comportamentos considerados estranhos em público, nomeadamente a tendência para fazer caretas e exibir sonolência em eventos políticos do pai. Algo que seria perfeitamente justificável, dada a idade de Barron.

Porém, tudo mudou quando, em novembro do ano passado, Rosie O'Donnell, a "arqui-inimiga" de Donald Trump, insinuou que Barron sofria de autismo, alimentando os rumores que já circulavam na internet. A comediante baseara-se no comportamento de Barron durante o discurso de vitória de Trump. A insinuação enfureceu Melania, que desmentiu categoricamente a doença e ameaçou processar O'Donnell e outros utilizadores das redes sociais que fizeram comentários semelhantes. O'Donnell acabou por pedir desculpas publicamente à mulher de Trump.

O que é certo é que, dois meses depois, os rumores ainda não foram totalmente dispersados, e Barron continua a demonstrar, pontualmente, atitudes que lhe têm rendido críticas e acusações de "não ter maneiras" e de ser "mimado". Enquanto Trump assinava os devidos documentos legais, no final da tomada de posse como 45.º presidente dos EUA, Barron brincava com Theodore, o sobrinho bebé, de dez meses. O momento foi captado em vídeo:

A carregar o vídeo ...
Em todos os assuntos relacionados com o filho, Melania mostra a mãe leoa que tem dentro de si. A nova primeira-dama - que já revelou que é mãe de Barron "a tempo inteiro" e que nem conta com a ajuda de uma babysitter - tem feito todos os esforços possíveis para proteger o filho dos holofotes e das más-línguas; e, por isso mesmo, Barron não irá, para já, morar na Casa Branca; Melania vai mantê-lo consigo, em Nova Iorque, até Barron terminar a escola.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;