Notícia

Polémica

Cada vez mais isolada! Gabriela demarca-se da mãe, Regina Duarte: "Escolhas são individuais, que fique claro"

A eterna 'Viúva Porcina' caiu em desgraça entre a classe artística brasileira depois da sua passagem pelo governo de Bolsonaro. Agora, a sua filha fala sobre escolha e família.
22 de maio de 2020 às 14:55
Outros tempos... As imagens cúmplices de Regina Duarte e da filha, a atriz Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Regina Duarte e Gabriela Duarte
Não terá sido fácil para Gabriela Duarte ver a sua mãe a ser atacada pelas suas posições políticas enquanto apoiante de Jair Bolsonaro e depois de aceitar ser secretária da Cultura (entretanto, a atriz foi demitida esta quarta-feira, 20 de maio, do cargo).

As críticas vieram sobretudo de colegas e de amigos de Gabriela, também ela atriz. Agora, vem fazer um longo desabafo na sua conta de Instagram mostrando nas entrelinhas que não comunga das mesmas ideias políticas da mãe.

"Um artista pode posicionar-se politicamente se quiser. Existem os que fazem isso e têm suas razões. Essa, porém, nunca foi uma escolha minha. A profissão que escolhi ja é bastante política em vários aspectos", começou por dizer a filha de Regina Duarte.

A carregar o vídeo ...
"Isso, no entanto, não faz com que deixe de posicionar-me, mas faço-o como uma cidadã normal. Voto e exerço meu direito de escolher pessoas que acho mais adequadas a representar-me, mas não trago isso para minha vida pública. Divido meus pensamentos e opiniões nessa área com pessoas que me são próximas. Não tenho necessidade de mais do que isso, nem me sinto no direito de influenciar politicamente quem quer que seja. São escolhas, e escolhas são individuais. Cada um tem a liberdade de pensar de forma própria", justifica Gabriela Duarte sem numa referir o nome da própria mãe.

Veja quem são os famosos que se afastaram de Regina Duarte
A ex-atriz de 73 anos seguiu um percurso político surpreendente ao apoiar Jair Bolsonaro, defender a ditadura militar e minimizar as mortes por Covid-19. As atitudes estão a sair caras
O autor Walcyr Carrasco
Mensagem de Walcyr Carrasco
Lima Duarte, o sinhozinho Malta em 'Roque Santeiro', divulgou uma mensagem emotiva sobre quem fica em silêncio: 
Lima Duarte e Regina Duarte em Lisboa a divulgar 'Roque Santeiro'
Lima Duarte e Regina Duarte em Lisboa a divulgar 'Roque Santeiro'
 Edson Celulari, Regina Duarte, Leandro Karna e Júlia Lemmertz, esta última questiona agora Regina:
Murilo Rosa, Regina Duarte e Edson Celulari. Os dois atores, que atuaram com Regina em 'Araguaia', estão a lutar por projetos para salvar a Cultura e fazem apelos contras as políticas da secretária de Cultura
José de Abreu, com quem Regina fez par romântico em 'Desejos de Mulher'. O ator foi um dos primeiros a se opor à antiga colega, ainda na altura das eleições presidenciais
Carolina Ferraz desejou sucesso no novo trabalho de Regina, mas pediu à ex-atriz que apagasse fotos delas do Instagram, sublinhando que não aprova o governo de Bolsonaro
Carla Daniel também desejou sucesso no novo trabalho de Regina, mas fez o mesmo pedido para que a antiga colega apagasse as suas fotos
Miguel Falabella reagiu à entrevista de Regina:
Christiane Torloni  cobra atuação da secretária de Cultura

Vera Fischer disse que
Regina Duarte
Mas pormenoriza: "E isso diz respeito a relações familiares também. Somos o que escolhemos ser e batalhamos por isso. Quando crianças, seguimos o exemplo daqueles que estão muito próximos a nós: os pais, os avós, irmãos, professores da escola… Aos poucos esse universo se amplia e nossas referências também".

Regina Duarte trocou carreira nas novelas por Bolsonaro
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
Regina Duarte
E é aqui que se demarca da progenitora: "Começamos então a formar nosso próprio corpo ideológico e percebemos que não precisamos mais seguir os modelos da infância e adolescência. Amadurecer, entre tantas coisas, é isso".

Contudo há um aspeto que faz questão de vincar e que se prende com as relações familiares: "Tudo isso não quer dizer que não possa mais haver afeto, amor, gratidão e respeito por aqueles que nos criaram. Pelo contrário. Devem ser apreciados e honrados todos os dias. Mas entender que uma familia não precisa necessariamente funcionar como um bloco, com pensamentos em uníssono sempre, é fundamental".

Ver esta publicação no Instagram

ESCOLHAS Um artista pode se posicionar politicamente se quiser.Existem os que fazem isso e tem suas razões .Essa,porém,nunca foi uma escolha minha. A profissão que escolhi ja é bastante política em vários aspectos.Isso,no entanto,não faz com que eu deixe de me posicionar, mas o faço como uma cidadã normal.Voto e exerço meu direito de escolher pessoas que acho mais adequadas a me representar,mas não trago isso pra minha vida publica. Divido meus pensamentos e opiniões nessa área com pessoas que me são próximas.Não tenho necessidade de mais do que isso, nem me sinto no direito de influenciar politicamente quem quer que seja.São escolhas, e escolhas são individuais.Cada um tem a liberdade de pensar de forma própria. E isso diz respeito a relações familiares também. Somos o que escolhemos ser e batalhamos por isso.Quando crianças, seguimos o exemplo daqueles que estão muito próximos a nós: os pais, os avós, irmãos, professores da escola…Aos poucos esse universo se amplia e nossas referências também. Começamos então a formar nosso próprio corpo ideológico e percebemos que não precisamos mais seguir os modelos da infância e adolescência.Amadurecer,entre tantas coisas,é isso. Tudo isso não quer dizer que não possa mais haver afeto, amor,gratidão e respeito por aqueles que nos criaram.Pelo contrario.Devem ser apreciados e honrados todos os dias.Mas entender que uma familia não precisa necessariamente funcionar como um bloco, com pensamentos em uníssono sempre, é fundamental. Meus filhos têm sido criados tambem dessa forma .Para que sejam livres e possam formar seus próprios pensamentos.O fato de serem meus filhos não os obriga a serem como eu.Quero que eles sejam melhores! Escolhas são individuais, que fique claro.Cada adulto que cuide de seu RG e CPF.

Uma publicação partilhada por gabriela duarte (@gabidu) a


Conclui Gabriela Duarte: "Meus filhos têm sido criados também dessa forma. Para que sejam livres e possam formar seus próprios pensamentos. O fato de serem meus filhos não os obriga a serem como eu. Quero que eles sejam melhores! Escolhas são individuais, que fique claro"

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
João Silva Há 2 dias

Ora aqui está! Bem mais sensata do que a mãe.

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;