Notícia

Casas Reais

Escândalo! Meghan Markle sofre ataque cerrado da família paterna. Irmã revela razão do ódio

Finalmente é tornada pública a razão dos ataques de ódio do pai e da irmã à norte-americana, mulher do príncipe Harry.
02 de março de 2019 às 18:54

A família paterna de Meghan Markle, 37 anos de idade, continua a atacar a duquesa de Sussex e a fazer-lhe a vida num inferno. Há mesmo quem acuse Thomas e Samantha Markle de procurarem a fama através das polémicas e guerras com a antiga atriz de 'Suits' e atual mulher de Harry.

O pai e a irmã de Meghan – que está grávida de 7 meses – têm alternado nas acusações públicas à duquesa desde que ela casou com o neto da rainha Isabel II de Inglaterra. O desespero é tão grande que a norte-americana chegou a escrever uma comovente carta ao pai para que Thomas parasse com os ataques e acusa-o de mentir. Diz-se de coração partido e afirma que este viveu financeiramente dependente dela.

Entretanto, a irmã Samantha, conhecida por atacar constantemente Meghan através de entrevistas e das redes sociais, acusando a mulher do príncipe Harry de desprezar o pai e de ter cortado relações com a família paterna, já anunciou a publicação de um livro-escândalo sobre a irmã.

Samantha, que sofre de esclerose múltipla e está confinada a uma cadeira de rodas, até já explicou o novo título do livro. "O título sugere que havia muitas coisas nas sombras que [o público] não vê, não quer dizer que eu estou na sombra dela. Quer dizer que muitas coisas na vida acontecem nas sombras", afirmou.

O nome original do livro de Samantha Markle era 'O Diário da Irmã da Princesa Mandona", mas a autora – que é filha de Thomas Markle, o pai de Meghan – decidiu mudar o nome para: 'Na Sombra da Duquesa'.

Para além do livro, Samantha participou recentemente no documentário 'Meghan and the Markles: A Family War' (Meghan e os Markle, uma guerra familiar) e promete mais polémicas.

Uma delas é a revelação – finalmente – do que motivou os ataques constantes à irmã Meghan. Tudo terá sido espoletado por uma entrevista que Harry concedeu à rádio 4, da BBC, em 2017, em que afirmou que a sua família é "a família que Meghan nunca tinha tido". Esta declaração passou a ser o argumento para a constante presença de Samantha e Thomas nos meios de comunicação a denegrirem a imagem da duquesa de Sussex.

Samantha acusa a irmã de não ter coração: "Se o tivesse, tinha feito de tudo para que o nosso pai se sentisse confortável."


Mas a irmã de Meghan vai mais longe nas acusações e afirma que não é a duquesa quem está de coração partido, como escreveu na carta que endereçou ao pai e que Thomas Markle entregou ao 'The Sun': "A carta era estratégica e estava escrita de uma forma muito elegante e pensada. Basicamente, dizia que eu e o meu pai somos uns mentirosos."

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável