Notícia

Drama

A maior mágoa de Rui Vitória: A morte do pais cedo demais

O ex-treinador do Benfica desgosto de os pais terem morrido e não o terem visto como técnico de futebol.
11 de junho de 2019 às 14:12
Rui Vitória sofre pelos pais não o verem como treinador
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
Rui Vitória não conta com alguns jogadores e as portas da saída estão abertas
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Susana Barata e Rui Vitória
Rui Vitória e a mulher Susana Barata
O treinador com a mulher e as três filhas, no estádio da Luz. A família é benfiquista e não podia sentir-se mais feliz do que no Estádio da Luz.
O treinador revela que desde a morte dos pais aprendeu a relativizar todos os problemas.
O treinador encarnado perdeu o pai e a mãe no mesmo dia, num brutal acidente de viação.
Rui Vitória é conhecido pela ponderação com que costuma falar, antes ou depois dos jogos.
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
RUI VITORIA
Rui Vitória não conta com alguns jogadores e as portas da saída estão abertas
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória e Susana Barata
Rui Vitória
rui vitória
Atualmente a viver na Arábia Saudita, Rui Vitória encontra-se longe da família para treinar a equipa do Al Nassr. O ex-treinador do Benfica fez uma visita a Portugal e esteve à conversa com Cristina Ferreira, onde falou sobre a sua experiência no estrangeiro e os planos de voltar ao país onde nasceu, Portugal. 

Apaixonado pelo futebol desde sempre, o técnico português confessou gostar mais de ser treinador do que jogador. Foi com 32 anos de idade que Rui Vitória deixou a carreira de jogador para dar início à vida de técnico.

Durante a conversa com a apresentadora da SIC, Rui Vitória mostrou sentir muita mágoa devido ao facto de os pais nunca o terem visto a treinar equipas de futebol. "
Foi curioso porque eles faleceram num dia e foi aí que comecei. Portanto eles nunca me viram como treinador."

Tragédia leva pais de Rui Vitória
O treinador revela que desde a morte dos pais aprendeu a relativizar todos os problemas.
O treinador encarnado perdeu o pai e a mãe no mesmo dia, num brutal acidente de viação.
Rui Vitória com a segunda mulher, Susana Barata, a filha mais velha de ambos, Joana, de 10 anos, e Mariana, de 19, fruto do primeiro casamento do treinador.
O técnico volta a fazer os benfiquistas sonhar, desta vez com o tetra campeonato.
Um amigo do casal revela que o namoro entre Susana e Rui começou pouco depois de os pais do treinador falecerem. A professora teve um papel determinante no alívio do luto do atual marido.
Susana Barata conheceu Rui Vitória na escola secundária, em Alverca, onde ambos eram professores de Educação Física.
O casal no ano passado, quando Susana estava quase a ser mãe pela terceira vez, de Santiago. O bebé nasceu no dia 23 de julho de 2016.
Rui Vitória sucedeu a Jorge Jesus, que tinha sido bicampeão pelo Benfica. O atual técnico voltar a elevar o Benfica a campeão e hoje faz os adeptos sonharem com o tetra.
O treinador com a mulher e as três filhas, no estádio da Luz. A família é benfiquista e não podia sentir-se mais feliz do que no Estádio da Luz.
Rui Vitória, Jorge Jesus
rui vitoria, matilde, benfica, treinador do benfica, aniversário, filha, filhas, Mariana, Joana, Susana Barata, família de Rui Vitória
Rui Vitória
Recorde-se que os progenitores do antigo técnico do Benfica, Avelino e Esmeraldina, tiverem um acidente rodoviário que lhes ceifou a vida, já no regresso a Alverca, terra que viu nascer Rui Vitória, localidade onde ainda residiam os pais do técnico. 

Apesar da dor, Rui Vitória diz ter sido uma grande "lição de vida" e que a situação o ajudou a ter força para ocasiões futuras. 

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável