'

Notícia

Big Brother – Duplo Impacto

"Arrependo-me." Mãe de Gonçalo Quinaz retrata-se depois dos ataques a Joana Albuquerque

Fátima Carvalho defende-se e diz que foi à Ericeira "muito a quente" e que estava nervosa mas nega ter chamado "nomes feios".
30 de abril de 2021 às 11:13
Joana tem mais uma adversária: a mãe de Gonçalo Quinaz
Bruno Savate e Joana
Bruno Savate e Joana
Joana Albuquerque
Joana Albuquerque, Fátima Carvalho, Gonçalo Quinaz
Joana Albuquerque, Fátima Carvalho, Gonçalo Quinaz
Bruno Savate e Joana
Gonçalo Quinaz
Gonçalo Quinaz
Joana Albuquerque, Big Brother, TVI
Joana Albuquerque, Big Brother, TVI
Bruno Savate e Joana
Bruno Savate e Joana
Joana Albuquerque
Joana Albuquerque, Fátima Carvalho, Gonçalo Quinaz
Joana Albuquerque, Fátima Carvalho, Gonçalo Quinaz
Bruno Savate e Joana
Gonçalo Quinaz
Gonçalo Quinaz
Joana Albuquerque, Big Brother, TVI
Joana Albuquerque, Big Brother, TVI
A mãe de Gonçalo Quinaz, Fátima Carvalho, protagonizou várias polémicas dirante o 'Big Brother - Duplo Impacto'. Junto aos muros do jardim da casa do reality show da TVI atirou a sua revolta contra Joana Albuquerque com gritos e ofensas graves.

"Gonçalo, força filho. Amo-te. A Joana é uma m**da e a família dela também. Força filho. A Joana não vale um c***lho", gritou na altura para os jardins da casa da Ericeira. A polémica continuou mais tarde nas redes sociais, já com o filho fora do jogo.

A carregar o vídeo ...
Quer no Twitter, quer no Instagram, Fátima, após mais uma discussão entre Bruno Savate e Joana, relembrou o momento em que o filho apelou alto e bom som para que Noélia vencesse o programa. Quando Joana revirou os olhos, a mãe de Quinaz perdeu a cabeça. "A expressão deste ser humano ao ouvir a voz do Gonçalo a apelar ao voto na Noélia (para hoje ficar). Sociopata!!!!", escreveu então.

Esta quinta-feira, 29 de abril, Gonçalo Quinaz e a mãe estiveram à conversa com Manuel Luís Goucha e o apresentador questionou Fátima sobre os episódios em que foi gritar à casa da Ericeira. "Ele [Gonçalo Quinaz] também me transmitia cá para fora sentimentos que eu achava que não estava bem e eu também não ficava. Se ele estava mal, eu começava a ficar mal. Passei noites triste. Este foi, sem dúvida o pior [reality] de todos", justificou.

"São os nomes feios, a maldade das pessoas e isso toca-me", continuou antes de ser interrompida por Manuel Luís Goucha: "Mas você também acho que chamou nomes feios?".

"Não, não chamei nomes feios a ninguém", defendeu-se Fátima Carvalho. Goucha insistiu: "Nem à Joana?". "Eu não chamei nomes diretamente a ninguém. Simplesmente fui à Ericeira, muito a quente e hoje, à distância, arrependo-me. Estava mesmo muito nervosa com a situação porque não gostei de uma situação que ele estava a passar lá dentro. Hoje não teria feito isso, de todo".

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever