Notícia

polémica

Cláudio Ramos dá graxa à "nova patroa" e desvaloriza a nova parceira de Goucha: "A Maria nunca será a Cristina"

Comentador do programa matinal da SIC enche Cristina Ferreira de elogios... e diz que Maria Cerqueira Gomes "vai viver tempos complicados".
13 de novembro de 2018 às 21:28
Cláudio Ramos nunca escondeu que tem uma enorme admiração por Cristina Ferreira, mas agora ela vai ser sua "chefe", na medida em que além de apresentadora da SIC vai também ser o braço direito de Daniel Oliveira, o responsável máximo pelo entretenimento da estação. Logo, vai poder definir o futuro do cronista no universo SIC...

Terá sido com esse pensamento em fundo que Cláudio Ramos escreveu sobre Maria Cerqueira Gomes, a eleita para fazer dupla com Manuel Luís Goucha, e, se o cronista continuar no formato matinal quando Cristina Ferreira o começar a apresentar, em janeiro, o formato a "abater" no que diz respeito a audiências.

Assim, como este "background" todo, Ramos comentou a ida de Maria do Porto Canal para a TVI. "Maria Cerqueira Gomes, que trabalha há anos no Porto Canal, num cenário minúsculo, com orçamentos reduzidos e equipas para lá de pequenas abraçará agora o maior desafio da sua vida profissional. Arrisco-me a dizer que nem nos seus melhores sonhos o imaginou tão perto. Terá que agarrar isto bem com as duas mãos e a cabeça no lugar", diz.

Mais. "Eu sei que Maria tem a esperança depositada neste desafio e a força de vontade para provar que é capaz. Até há dias, ela estava ali quietinha no seu canto e foi desafiada. Não é uma mulher de se meter em bicos de pés só porque sim nem quer ser a ‘nova’ Cristina Ferreira. Isso é impossível, e nós sabemos. Quer ser a Maria, que apesar de ser muito bem recebida pelo Manel terá que o conquistar devagarinho, a ele e ao lugar que terá ao seu lado. Os espaços em televisão são conquistas nobres e tão bonitas quando acontecem de forma fluída, o Manel – já me fez saber –  está disposto a ser a ‘rede’ da Maria para que se sinta amparada e tranquila.

É uma ajuda preciosa. Acreditem! Além disso Maria vai viver tempos complicados com as comparações que o público vai fazer e que a imprensa se encargará de manipular e exagerar. Faz parte do jogo onde entra profundamente agora. A Maria nunca será a Cristina, porque a Cristina é uma peça rara neste mundo e única em Portugal. Não terão as profissionais de televisão todas que ser a Cristina, basta que muitas olhem para o seu trabalho com respeito, com vontade de tratar o espectador com dignidade e não usem a televisão e os meios apenas para se transformarem em meninas glamourosas, cheias de tiques e carregadas de pergaminhos. E há muitas por aí. A maioria…

Ver esta publicação no Instagram

Dia de sol maravilhoso no Porto! Adivinham quem é que me apetecia ir buscar para almoçar? ?? #bmcar #porto

Uma publicação partilhada por Maria Cerqueira Gomes (@maria_cerqueira_gomes) a



A diferença da Cristina para elas é esta. A Cristina fez a diferença, abriu um caminho, mas colocou a fasquia muito alta, por isso a Maria, sabe que o melhor que tem a fazer – e que fará – é conquistar um espaço sendo autêntica, não fugindo do seu registo no ‘
Olá Maria’ que apresentava no Porto Canal e aproximando-se ainda mais das pessoas que a querem seguir, tratando o seu mundo por ‘tu’ porque a TVI não é o Porto Canal e porque o ‘Olá Maria’ não é o ‘Você na Tv’. E esta filosofia é uma boa escolha, porque não lhe adiantaria querer ser a Cristina, como não lhe adianta viver na angústia de estar a ocupar um dos dois lugares mais cobiçados da televisão neste momento", acrescenta no seu blog.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável