'

Notícia

Covid-19

Feitiço vira-se contra o feiticeiro! Miguel Sousa Tavares arrasado após entrevista a primeiro-ministro António Costa

Depois de ter atacado Ricardo Araújo Pereira e Ljubomir Stanisic, o jornalista da TVI é agora o alvo das duras críticas que inundaram as redes sociais.
25 de março de 2020 às 07:12
Miguel Sousa Tavares volta ao centro da polémica
Miguel Sousa Tavares criticou Ricardo Araújo Pereira, a quem chamou de "muito pouco criativo, muito pouco imaginativo e muito preguiçoso", e Ljubomir Stanisic quando o chef jugoslavo acusou o governo de não ter "tomates para fechar restaurantes", por causa da Covid-19. Agora é ele o criticado.
Miguel Sousa Tavares durante o seu espaço de opinião na TVI
Miguel Sousa Tavares, Teresa Caeiro, separação
Miguel Sousa Tavares, Teresa Caeiro, separação
Miguel Sousa Tavares, Teresa Caeiro, separação
Miguel Sousa Tavares, Ricardo Araújo Pereira
miguel sousa tavares, Ljubomir Stanisic
Miguel Sousa Tavares arrasado após entrevista a primeiro-ministro António Costa
Miguel Sousa Tavares, Teresa Caeiro, separação
graça fonseca, miguel sousa tavares
Miguel Sousa Tavares, Teresa Caeiro, separação
Miguel Sousa Tavares, Teresa Caeiro, separação
Miguel Sousa Tavares, Teresa Caeiro, separação
Miguel Sousa Tavares, Ricardo Araújo Pereira
miguel sousa tavares, Ljubomir Stanisic
António Costa anunciou fecho de escolas e discotecas

Há pouco mais de uma semana, o jornaista Miguel Sousa Tavares fez ataques cerrados, primeiro a Ricardo Araújo Pereira, a quem chamou de "muito pouco criativo, muito pouco imaginativo e muito preguiçoso", depois a Ljubomir Stanisic quando o chef jugoslavo acusou o governo de não ter "tomates para fechar restaurantes", por causa da Covid-19.

Na segunda-feira, 23, o primeiro-ministro António Costa esteve no 'Jornal das 8', TVI, para ser entrevistado por Miguel Sousa Tavares e José Alberto Carvalho. A postura agressiva de Sousa Tavares foi duramente criticada por vários setores da sociedade portuguesa, com muitos comentários nas redes sociais.

O humorista João Quadros chegou mesmo a comparar Miguel Sousa Tavares à polícia política do Estado Novo: "O Sousa Tavares dava para chefe da PIDE", escreveu no Tweeter. "Fizeram-me gostar do Costa. Há um sadismo nos anti que me faz estar do lado dele", defendeu ainda Quadros.

Outros, como o deputado Duarte Marques, atiram que o jornalista e comentador terá preparado as suas perguntas nas redes sociais. O jornalista desportivo Luís Agular compara as perguntas de Sousa Tavares a uma conversa de taberna: "Só lhe faltou a mini e o prato de tremoços. O primeiro-ministro esteve bem."

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever