Notícia

Sofrimento

O pesadelo de Sérgio Conceição: pai morreu de acidente de moto e a mãe viveu últimos dias paralisada numa cadeira de rodas

O treinador do FC Porto reconhece que não teve muito mimo dos pais durante a infância e que era "difícil ter 3 refeições por dia" e que ainda hoje tem "um lado negro".
19 de setembro de 2020 às 11:34
Sérgio Conceição: treinador portista apoia-se na religião.
O treinador do FCP com a família, na sua casa no Algarve: a mulher, Liliana, de 39 anos, e os filhos Francisco, 14 anos, Moisés, 16 anos, Rodrigo, 18 anos, Sérgio, 21 anos, e ao colo do pai o mais novo, José, de 2 anos.
Todos os filhos de Sérgio Conceição gostam de jogar futebol. Moisés, de 17 anos, alinha pelo Sporting, e Rodrigo, de 18, pelo Benfica.
Sérgio Conceição revela ser ambicioso e não gostar de perder "nem a feijões".
Todos os verões a família passa férias no sul do país mas raramente sai de casa, na zona de Albufeira.
O treinador viveu uma adolescência difícil, com a morte prematura dos pais. Por isso, quis constituir uma família grande e tem, neste momento, 5 filhos. Ainda pensa tentar ter uma menina.
Com a mulher, Liliana, com quem começou a namorar na adolescência. Apaixonados, nunca mais se largaram e são um casal feliz.
Sérgio Conceição, FCP
Sérgio Conceição, FCP
Sérgio Conceição, FCP
Sérgio Conceição, FCP
Sérgio Conceição, FCP
Sérgio Conceição, FCP

Sérgio Conceição assume que tem "um lado negro" dentro dele e que nunca vai conseguir sair dele. O treinador do FC Porto voltou a falar do maior pesadelo que viveu aos 16 anos... e que ainda o atormenta: a perda dos pais, que apesar de nunca lhe terem dado muito mimo e das muitas dificuldades com que viviam, nunca foram esquecidos pelo antigo craque.

"Não havia mimo. Os meus pais... principalmente o meu pai, era duro, rígido, dificilmente dizia a uma filho que gostava dele", revela Sérgio, em entrevista ao 'Expresso'. "Hoje digo muito aos meus filhos que os amo, mas era difícil o meu pai dizer isso a um dos 8 filhos. Mas vivi muito tempo sozinho com eles, porque os mais velhos foram casando e saindo, e a minha irmã, mais nova, face às dificuldades, foi viver com os meus avós".

"O meu pai morreu num acidente de moto. Eu estava num dos cafés da aldeia e foram-me chamar: quando cheguei, vi-o no chão, tiraram-me dali para fora. Mais tarde, soube que não tinha resistido ao acidente. O mais incrível é que eu e a minha família tínhamos estado a tentar dar-lhe a volta durante meses para me deixar ir para o FC Porto, porque ele não queria. Até que se deixou convencer e foi comigo assinar o contrato - no dia seguinte morreu. Foi terrível, para mim e para todos. A minha mãe estava numa cadeira de rodas paralisada de um dos lados, e faleceu dois anos depois", recordou.

"Sou feliz muitas vezes, pelos títulos de jogador e treinador que conquistei, mas sinto que nunca estou feliz a cem por cento. Tenho um lado negro dentro de mim e vou acabar assim, isto jamais vai sair daqui de dentro", assegura.

Sérgio Conceição apresentado como treinador do FC Porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto
sérgio conceição, fcp, fc porto

Um lado negro que, assume, se deve em parte à vida difícil que teve na infância: "Eu vi o sofrimento que eles passaram, a forma como trabalhavam para nos dar o mínimo. Eles não viviam, sobreviviam com muito sacrifício. A minha mãe estava em casa, o meu pai trabalhava nas obras, dia e noite, e eu ajudava-o nas férias", relata, nesta entrevista ao semanário. 

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;