Notícia

Escândalo

Polémica psicóloga, que diz curar homossexuais, ataca Fátima Lopes e provoca revolta

A clínica Maria José Vilaça faz parte de um grupo secreto, com ligações à Igreja católica, que diz que a homossexualidade é uma patologia que se pode curar. A polémica ficou instalada depois da reportagem da TVI... e o pior foi quando "meteu ao barulho" a apresentadora de 'First Date'.
11 de janeiro de 2019 às 16:29
Fátima Lopes chegou ao destino: Santuário de Fátima
Fátima Lopes já chegou ao Santuário
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes

Foi mais uma "pedrada no charco". A reportagem de Ana Leal que passou na quinta-feira, 10, na TVI, denunciou a existência de um grupo – alegadamente secreto – que junta psicologia e religião católica e que tem como objetivo "curar" homossexuais.

Um dos elementos desse grupo é a psicóloga Maria José Vilaça – que em tempos já tinha conhecido a fama ao afirmar que ter um filho homossexual é como ter um filho toxicodependente – que considera a homossexualidade uma patologia, fruto de surtos psíquicos como a bipolaridade, possível de cura.

A polémica está instalada, com muitas críticas e mensagens duras a encherem as redes sociais. O método passa por sessões de terapia de Conversão na igreja do Lumiar. Tudo captado através de câmara oculta com o registo das ideias e conselhos polémicos da clínica assim como de um padre, cuja identidade foi protegida na reportagem.

Fátima Lopes conta como surgiu a devoção a Nossa Senhora
Fátima Lopes celebra aniversário a 13 de maio
Fátima Lopes
Fatima Lopes
Fátima Lopes
Fátima apresenta 'A Tarde é Sua'
Fátima Lopes tirou uns dias de férias no Algarve
Fátima Lopes
A apresentadora celebra o seu aniversário no dia 13 de maio, dia de Nossa Senhora de Fátima.
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fatima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes
Fátima Lopes, Algarve, férias
Fátima Lopes
Fátima Lopes

Mas aquilo que enfureceu verdadeiramente os internautas foi o ataque da psicóloga à apresentadora da TVI, Fátima Lopes. Ao pegar no exemplo de uma mãe com um filho homossexual que foi entrevistada pela apresentadora, Maria José Vilaça não resistiu a lançar algumas farpas.

"Entrevistou-a com aquele ar que todos os jornalistas têm, que são muito moralistas e dogmáticos. [Fátima Lopes] É uma pessoa com os seus quês. Ela vive em permanente busca e também é uma pessoa confusa e mal orientada. Estas pessoas gostam muito mde dizer que são católicas e que fazem peregrinações, o que ainda baralha mais as pessoas", disse a psicóloga durante uma sessão de terapia sem saber que estava a ser gravada.

Ana Leal e Alexandra Borges: as jornalistas sem medo
Alexandra Borges e Ana Leal são jornalistas há cerca de 30 anos e têm cimentado a amizade na TVI.
Ana Leal garante que vai manter a sua postura, sem medo de represálias ou pressões.
A reportagem sobre o escândalo Raríssimas mexeu com poderes instituídos e levou à demissão do secretário de estado da Saúde.
A reportagem sobre os meninos adotados ilegalmente por membros da IURD levou a TVI a pedir protecção policial junto à porta da empresa.
Alexandra Borges garante não ter receios nem nada contra a IURD.
O bispo Edir Macedo, líder da IURD, nunca respondeu ao apelo das jornalistas para dar a sua versão dos acontecimentos.
Ana Leal foi apelidada de
Ana Leal, Alexandra Borges, TVI, Raríssimas
Ana Leal, Alexandra Borges, TVI, Raríssimas
Ana Leal, Alexandra Borges, TVI, Raríssimas
Ana Leal, Alexandra Borges, TVI, Raríssimas
Ana Leal, Alexandra Borges, TVI, Raríssimas
Ana Leal, Alexandra Borges, TVI, Raríssimas
Ana Leal, Alexandra Borges, TVI, Raríssimas

"Ai... falar da grande Fátima Lopes...uiui... onde ela se foi meter", "Estou perplexa!! Hilariante foi meter a Fátima Lopes ao barulho... Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos" e "A sério, estou chocada com tanta asneira dita, aceito todas as opiniões e vivo bem com a divergência das mesmas, mas isto... Devia mesmo ser explusa da Ordem, isto não é ser psicolóloca isto é impor as suas ideologias a pessoas que se estão a descobrir e que precisam de ajuda" são apenas algumas das muitas mensagens de repúdio e ataque a Maria José Vilaça na página da TVI.

 

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável