Notícia

Confissão

Portugal ganha Eurovisão: "Se morrer amanhã morro superfeliz"

Salvador Sobral sagrou-se vencedor do Festival da Eurovisão na noite deste sábado. Um percurso difícil por causa da grave doença cardíaca do cantor. Cantor revelou mais pormenores da doença que o obriga a muitos cuidados: "Já tive muitas fases complicadas".
14 de maio de 2017 às 00:11
Salvador Sobral na final da Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
salvador sobral
salvador sobral
Salvador Sobral dá o seu primeiro concerto hoje em Marco de Canaveses
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
salvador sobral
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão
Salvador Sobral, Eurovisão

Salvador Sobral foi o grande vencedor da 62.ª edição do festival da Eurovisão. O seu tema 'Amar Pelos Dois', composto pela irmã, Luísa Sobral, era há muito um verdadeiro fenómeno de popularidade, e, desde a semi-final, era considerada a canção favorita à vitória, apesar de ser muito diferente da grande maioria das músicas concorrentes. 

Salvador emocionou o público com mais uma interpretação imaculada e intimista da balada. No final Salvador era um homem feliz, satisfeito por ter ganho uma música com alma.

"Não quero pensar que vou ficar na história da música em Portugal", afirmou Salvador Sobral a José Carlos Malato, o apresentador português que o acompanhou a Kiev para a emissão do festival da Eurovisão.

O intérprete de ‘Amar Pelos Dois" acredita que, com a sua música, Portugal pode ajudar a Europa a elevar a fasquia da qualidade. "Trouxemos uma música com tanto conteúdo lírico e melodia que pode ser uma ajuda para que a Europa se inspire para trazer músicas mais melodiosas", disse depois de ser consagrado o vencedor da edição de 2017.

No final, o cantor não esqueceu a irmã, Luísa Sobral a quem dedicou um elogio rasgado: "A minha irmã tem um talento incalculável e disso nunca duvidei".

Salvador Sobral confirma que só começou a tomar consciência de que a sua canção estava bem cotada quando chegou à capital da Ucrânia e realizou vários ensaios. "Comecei a aperceber-me que toda a gente estava a fazer comentários positivos e a dar um ‘feedback’ incrível à canção e percebi que poderia ter uma boa pontuação".

Com o troféu da Eurovisão na mão, o cantor de 27 anos afirmou que ter Caetano Veloso a fazer um vídeo nas redes sociais a desejar-lhe que vencesse o festival da Eurovisão " vale mais do que este prémio que me deram", disse, apontando para o galardão

Este foi um trajeto difícil, desde a hora que venceu o Festival da Canção RTP até à vitória em Kiev. Dificuldades inerentes à sua grave condição cardíaca que obriga a um transplante. Salvador chegou a ser substituído pela irmã, Luísa Sobral, a autora da música. Agora tudo tem um sabor diferente ao reescrever a história de Portugal na Eurovisão. Salvador foi o primeiro protuguês a vencer o Festival.

VIVER COM A DOENÇA 

A poucos dias de rumar a Kiev e atuar no Eurofestival, Salvador Sobral falou longamente sobre a doença cardíaca que o obriga a grandes cuidados de saúde e que o tornam diferente dos outros: "Esta doença é um problema pequenino", começou por dizer em entrevista na SIC, mas depois o jovem cantor assumiu que vive com o sentimento de finitude muito presente por causa desta maleita, que se foi revelando lentamente "através do cansaço e de outros sintomas chatos".


Salvador Sobral, que garante ter uma "necessidade brutal de atenção e agradar às pessoas", assumiu que tem "fases complicadas" por causa dos problemas cardíacos. "Quando acordo e respiro, e estou bem, o dia só pode correr bem", assume. Mas revela que tem períodos mais nostálgicos, introspectivos e melancólicos: "Nesses dias de choro absoluto e no dia seguinte já estou completamente bem", revela.

Salvador Sobral ganha cada vez mais dinheiro
Salvador Sobral usa roupas largas para disfarçar os aparelhos que transporta e que lhe permitem manter o coração a funcionar
'Excuse Me' é o nome da tournée que anda pelo país. No dia 30 de abril, com 2 espetáculos agendados, Salvador arrecadará 7 mil euros num só dia
O cantor com a irmã, Luísa Sobral, autora do tema 'Amar pelos Dois', após Salvador se ter sagrado vencedor do Festival RTP da Canção 2017
Salvador Sobral foi recebido em apoteose no espetáculo que deu, recentemente, em Olhão
Salvador Sobral e Luísa Sobral quando ainda esperavam pelos resultados do Festival da Canção. Apesar disso, estiveram sempre descontraídos, durante o concurso, que Coliseu dos Recreios, em Lisboa
Salvador Sobral passou por Évora, no dia 25 de fevereiro, onde atuou no Teatro Garcia de Resende
salvador sobral
Salvador Sobral
Salvador Sobral e Luísa Sobral
Salvador Sobral

Diz que pergunta por que é que tem de sofrer com esta doença: "Sentir-me preso é o pior", lamenta. "Casa pessoa tem o seu problema, não sou especial, só tenho este problema".

"Se amanhã morrer, morro super feliz. Estou tranquilo comigo próprio para o que der e vier. É claro que gostava de ter filhos, mas estou bem comigo próprio. Esta noção de finitude também me ajuda em palco", assegura o cantor.

"Não sei se vai correr tudo bem", lamenta. "Se há saúde, é o essencial". "Os meus olhos reflectem esperança", diz.

A carregar o vídeo ...

 






Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;