'

Notícia

Atualidade

Portugal com recorde de 82 mortes por covid-19. Há 4.935 novos contágios

A Direção-Geral de Saúde (DGS) reportou mais 4.935 infeções pelo coronavírus nas últimas 24 horas. Há ainda a lamentar mais 82 vítimas mortais, um número que supera em 19 o anterior máximo registado.
11 de novembro de 2020 às 14:59
...
covid, vírus
O número de pessoas infetadas pela covid-19 em Portugal aumentou em 4.935 para um total de 192.172, de acordo com os dados revelados esta quarta-feira, 11 de novembro, pela Direção Geral da Saúde (DGS). 

Quanto às mortes relacionadas com o novo coronavírus, são agora mais 82, um recorde absoluto face ao anterior máximo de 63 vítimas mortais em 24 horas, elevando os óbitos acumulados a 3.103. Em média nos últimos sete dias faleceram em Portugal 58 pessoas por dia com covid-19. No final de outubro a média diária era de 30.

O número de doentes recuperados aumentou em 3.475, para um total de 110.353, enquanto os casos ativos, que são calculados subtraindo ao total de casos confirmados os doentes recuperados e os óbitos, aumentaram em 1.378, após na véspera ter registado a maior redução num só dia desde 24 de maio, data em que a DGS atualizou os doentes recuperados em mais de 9.800. Os casos ativos são agora 78.716, o valor mais elevado de sempre.

O número de novos casos reportado hoje fez descer a média diária de novos casos dos últimos sete dias para 5.033,1, muito abaixo do recorde de 5.399,1 da véspera.

Nos últimos 14 dias Portugal acumulou 619,47 novos casos por 100 mil habitantes. Este indicador, muito utilizado internacionalmente para medir a propagação do vírus e critério determinado pelo Governo para considerar os concelhos em risco, fixou um novo recorde e supera largamente o limite definido de 240 casos por 100 mil habitantes. 

Internamentos em novo máximo e doentes graves também sobem

O número de internados devido à covid-19 aumentaram em 43, para um total de 2.785 pacientes internados.

Já no que respeita aos casos mais graves, de internamentos em unidades de cuidados intensivos, são agora 391, mais 9 do que ontem


Norte com 44 mortes em 24 horas

Tal como tem vindo a suceder, a maioria dos novos casos reportados localizam-se na região Norte, que já contabiliza mais 22.121 infetados do que Lisboa e Vale do Tejo (LVT), apesar de apenas a 28 de outubro ter superado LVT em número de contágios.

O Norte conta, assim, com mais 2.845 novos casos, 58% dos contágios no país nas últimas 24 horas, que elevam o total da região para 94.057. 

Lisboa e Vale do Tejo conta agora com 71.936 casos, mais 1.185 do que ontem, o que significa que foi responsável por 24% das novas infeções.

Dos restantes novos casos, 743 foram no Centro, 44 no Alentejo, 80 no Algarve, 17 na Madeira e 21 nos Açores.

Quanto aos óbitos, a maioria foi no Norte, com 44, seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo, com 19, o Centro, com 17 e o Alentejo, com 2. No Algarve, Madeira e Açores não há novas vítimas mortais a lamentar. O Norte registou pela primeira vez mais de quatro dezenas de mortes, enquanto os 17 óbitos no Centro são o valor mais elevado de sempre.


Em termos acumulados, o Norte regista 1.414 óbitos, Lisboa e Vale do Tejo soma 1.181, o Centro contabiliza 389, o Alentejo 71, o Algarve 31, os Açores 15 e a Madeira 2.

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever