'

Notícia

Polémica

Gerard Piqué pode levar Shakira a tribunal e impedir que se volte a ouvir a nova canção polémica que arrasa o futebolista

"As mulheres não choram, as mulheres faturam", canta a colombiana na sua nova música e, de facto, a sua conta bancária não para de aumentar com este tão polémico tema. Mas a artista arrisca-se a sentar-se no banco dos réus por "injúrias e calúnias".
13 de janeiro de 2023 às 12:48
Aos 45 anos, e recém-separada, Shakira arrasa com fotos sensuais
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
Shakira
A nova música de Shakira, feita em colaboração com o produtor argentino Bizarrap, é um ataque feroz ao ex-companheiro. Percebe-se que depois de 'Monotonia', a colombiana volta a atacar o pai dos seus dois filhos e, por arrasto, Clara Chia, a jovem que arrebatou o coração de Gerard Piqué e por quem o ex-jogador Barcelona trocou a artista.

A mágoa de ter sido traída é tanta, que a artista não consegue evitar de arrasar o ex-futebolista do Barcelona. A letra está cheia de indiretas, trocadilhos e jogos de palavras. Eis algumas das mensagens: "E contigo já não regresso nem que chores ou supliques. Entendi que não é culpa minha que te critiquem, eu só faço música". Vira-se também para Clara Chia: "Tem nome de boa pessoa, claramente (Clara) não é como parece. Tem nome de boa pessoa, claramente é igual a ti". E remata ainda: "Valho por duas de 22. Trocaste um Ferrari por um Twingo. Trocaste um Rolex por um Casio".

Mas há uma frase que pode servir de trunfo a Gerard Piqué se quiser sentar a ex-companheira no banco dos réus por causa deste ataque público. Trata-se de uma frase em que Shakira canta: "Deixaste-me como vizinha a sogra, com a imprensa à porta e uma dívida ao fisco". Dizem juristas espanhóis que a artista está indiretamente a imputar a responsabilidade da dívida às finanças ao pai dos filhos.

Sendo Gerard Piqué uma testemunha essencial no caso em que a colombiana enfrenta o estado espanhol, a artista não poderia fazer isto. Ela precisa que ele testemunhe perante os juízes que ela não vivia em Barcelona no período em que é acusada de não pagar impostos. Portanto, esta frase acaba por ser demolidora para a sua defesa.

Se Piqué se quiser vingar, poderá levar a ex-companheira a Tribunal e acusá-la de "injúrias e calúnias" por o estar a implicar - mesmo que indiretamente - num delito de fraude fiscal. "Não se pode imputar a participação de alguém numa fraude ou delito sem provas. O lesado pode iniciar ações pelo que entende serem falsidades que afetam a sua honra, imagem pública, etc", explicou um advogado ao site 'Jaleos' do jornal 'El Español'.

"Se eu fosse o advogado de Piqué, recomendar-lhe-ia que interpusesse uma ação, além de solicitar a proibição de difusão da canção como medida cautelar. Shakira é a autora da canção. Custa-me a crer que essa letra não tivesse passado pelos seus advogados. Tal como se pede uma providência cautelar para impedir a publicação de um livro ou de uma notícia de jornal, eu pediria para a canção", disse ainda o jurista.

Saber mais sobre

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas