'

Notícia

Nacional

Drama "pior que Ângelo Rodrigues"! Manuela Marle quase perde a vida com bactéria hospitalar

Um simples queda em casa levou-a ao bloco de cirurgia. Foram cinco meses a lutar contra uma infeção grave que podia ter-lhe custado uma amputação e mesmo a vida. A antiga atriz doou o corpo à ciência.
30 de janeiro de 2020 às 21:00
Filhos são a salvação de Manuela Marle durante fase dramática com infeção grave
Os filhos foram o grande apoio da antiga atriz. Mudaram a vida e forma drástica para tomarem contra da mãe. "Eu sabia que tinha uns filhos fantásticos, só não sabia o quanto", congratulou-se Manuela Marle.
Um simples queda em casa levou-a ao bloco de cirurgia. Foram cinco meses a lutar contra uma infeção grave que podia ter-lhe custado uma amputação e mesmo a vida. A antiga atriz doou o corpo à ciência.
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle com o filho mais novo
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle com Paulo Gonzo
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle com Lili Caneças no Casino Estoril
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle em 1982, em Vila Faia, na RTP, a primeira novela portuguesa.
Manuela Marle em 1982, em Vila Faia, na RTP, a primeira novela portuguesa. Fazia o papel de Cristina, uma jovem adolescente.
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos
Manuela Marle, Vila Faia, bactéria hospitalar, amputação, perigo de vida, filhos

Manuela Marle tornou-se conhecida do grande pública através da personagem Cristina, uma jovem decidida em 'Vila Faia', a primeira novela de produção nacional, na RTP. Estávamos no ano de 1982.

38 anos depois, aos 65 anos de idade, Manuela Marle mantém o mesmo ar de menina. No entanto, a agora empresária viveu recentemente um enorme susto que quase lhe custou a vida. Apenas há cinco meses, estava longe de imaginar que uma simples queda em casa haveria de virar a sua vida do avesso e pôr tudo em risco.

"Foi uma simples queda em casa. Enfiei o pé na alça da saco de ginástica, fraturei o colo do fémur e fui oeprada. Correu tudo muito bem, ao fim de 4 dias fui para casa, só com uma canadiana. Uma coisa perfeitamente normal", começa por descrever Manuela Marle a Cristina Ferreira.

Mas o pior estaria para vir. "Atravessei uma fase complexa. É o flagelo deste século, as bactérias hospitalares", refere a empresária. E as coisas complicaram-se ao oitavo dia. "Acordei e tinha o joelho do tamanho de uma meloa. Pensei logo o que era. Como sou filha de médico, levei 40 anos da minha vida a ouvir falar de medicina em casa. Não havia nada que enganar: era uma septicémia", refere a empresária.

Novo internamento, com direito a cirurgia de urgência para retirar a rótula e limpar toda a infeção. Fizeram-se análises para tentar descobrir qual o tipo de bactéria, sem sucesso. E é aqui que este caso se torna mais grave do que a infeção generalizada que quase tirou a vida a Ângelo Rodrigues. "É uma coisa parecida com o Ângelo mas mais grave porque não conseguiam saber qual era a bactéria", defende Manuela Marle.

Seguiram-se 24 dias internada no hospital, em isolamento, com doses massivas de antibiótico, com "efeitos horríveis". Tal como no caso do ator da SIC, também aqui houve o risco de amputação. "Chegaram a dizer que isto era um caso muito complexo e se não melhorasse, teríamos que pensar em próteses, sem usarem a palavra amputação", recorda Manuela Marle.

E a situação foi realmente grave. A primeira coisa que Manuela Marle fez quando chegou ao hospital foi mandar chamar o advogado pessoal e os três filhos. "Tinha que passar tudo para os meus filhos, na eventualidade de não conseguir sair desta", revela. A par disso, Manuela Marle doou o corpo à Faculdade de Medicina no dia a seguir à operação de urgência. "Pensei: se eu morrer agora talvez isto sirva para alguma coisa", justificou.

Os filhos foram o grande apoio da antiga atriz. Mudaram a vida e forma drástica para tomarem contra da mãe. "Eu sabia que tinha uns filhos fantásticos, só não sabia o quanto. Ainda não tinha vivido uma experiência assim. Eles perceberam que a mãe estava a partir e não queriam que ela partisse", congratula-se.   

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever