'
Carlos Rodrigues
Carlos Rodrigues Grelha da Semana

Notícia

TVI cai com futebol (aposta foi o desastre que era fácil de prever)

O pior cenário concretizou-se. Tal como alertámos aqui, em tempo, a TVI acabou a gastar uma fortuna em julho, com o futebol, e a perder ainda mais audiência, alargando a distância para a SIC.
21 de julho de 2022 às 14:05
...
João Palhinha, Benfica, Fulham, Pré-época Foto: Ricardo Nascimento

Poupar na grelha ao longo do verão, para depois gastar uma fortuna em meia dúzia de jogos de futebol de pré-época é um contrassenso. Foi a decisão da TVI, e a aposta foi o desastre que era fácil de prever. O movimento conseguiu afundar ainda mais o canal. A história é simples de contar: no verão, a TVI desistiu de competir com a SIC. Colocou repetições a eito, abdicou de vários horários, entregou a vitória de bandeja. Parecia justificável, se se tratasse de poupar dinheiro e preparar o recomeço, em setembro. Porém, ao mesmo tempo que poupava orçamento de grelha, a estação decidiu, de forma bizarra, gastar muito dinheiro em meia dúzia de partidas a feijões. Eis o balanço: o pior cenário concretizou-se. Tal como alertámos aqui, em tempo, a TVI acabou a gastar uma fortuna em julho, com o futebol, e a perder ainda mais audiência, alargando a distância para a SIC.

O canal de Queluz de Baixo vai descer em relação ao mês anterior, e até ao dia em que escrevo, com os resultados do domingo em que foi transmitido o Benfica-Fulham, a TVI não conseguiu ganhar um único dia do mês. Além do erro estratégico global, a compra do futebol constituiu também um erro tático, abrindo novos buracos na programação. Um exemplo: os programadores da TVI chegaram ao absurdo de colocar um jogo no horário mais forte do canal, desviando da sua hora habitual a novela '
Festa é Festa', líder de audiência. No dia do Villareal- Sporting, o 'Festa é Festa' foi emitido mais tarde. Isso deu uma oportunidade à novela da SIC, 'Lua de Mel', que tem tido dificuldade em impor-se. Nesse dia, a narrativa principal da SIC liderou pela primeira vez do princípio ao fim. Para a TVI, pior era impossível.              

 
INFORMAÇÃO - FOGOS

...
Fogos Foto: Cofina Media

Há várias situações que se repetem ano após ano em redor dos fogos. A floresta continua desordenada, a economia do país desertifica o interior, os incêndios devastam áreas crescentes, e as televisões planeiam, preparam-se e executam uma cobertura nacional que constitui verdadeiro serviço público. Este ano, o público voltou a ter acesso a informação de enorme qualidade, com a distinção da SIC e da TVI enviarem para o terreno alguns dos pivots principais, como Patrícia Carvalho, da SIC, ou Lurdes Baeta, da TVI. A RTP ficou para trás, quando esta era uma área onde tinha obrigação de brilhar visto deter melhor posicionamento no território do país. É um caso de estudo e contribui para a força do cabo em Portugal, movimento em contraciclo com alguns países da Europa.

 

PROGRAMAÇÃO - CASO DE ESTUDO

...
Caso de estudo Foto: Federação Portuguesa de Futebol

O Canal 11, da Federação Portuguesa de Futebol, é um projeto curioso. Tem como objetivo divulgar o futebol que está para lá do espetáculo de milhões. Dedica-se a transmitir futebol amador, de divisões inferiores, e também de seleções nacionais de diversos escalões. Tem registado audiências sustentáveis acima do 1% de share, o que lhe dá, por exemplo, uma posição muito superior à da RTP3, e equiparável à da RTP2. O "11" incomoda os principais players de futebol, como a SportTV ou a Eleven, mas leva futebol de borla aos adeptos. De certa forma, faz serviço público, e é responsável pelo reforço do cabo em Portugal, movimento em contraciclo ao de alguns países ocidentais.

 

SOBE - RICARDO COSTA

...
Ricardo Costa Foto: D.R.

Com a campanha dos fogos, a SIC Notícias conseguiu encurtar a distância para o canal CNN. A maior e melhor implantação da SIC no país trouxe de volta alguma agilidade perdida pelo canal. 

DESCE - ANTÓNIO JOSÉ TEIXEIRA

...
António José Teixeira Foto: RTP

Já para a RTP3, o balanço é trágico. O canal de notícias da RTP ocupa uma licença de TDT, recorde-se. E tem obrigação de aproveitar a presença em todo o país. Porém, fica muito atrás na eficácia em relação a todos os operadores privados. É nestas alturas que fica ainda mais visível a falência do projeto informativo da RTP.

 
DESCE - ANTÓNIO COSTA


...
António Costa

Os debates quinzenais com o primeiro-ministro eram momentos de grande afirmação do trabalho parlamentar. Acabar com eles foi uma machadada na democracia. A dificuldade de os retomar fica mal a todos os responsáveis políticos. O líder do governo é o principal responsável pela criação de qualquer entrave.

Mais notícias de A Grelha da Semana

250 mil em fuga

250 mil em fuga

Agosto também será, tudo o indica, o pior mês do ano para a estação de Queluz de Baixo, isto apesar de faltarem dois jogos do Benfica para a Champions, ambos no canal 4, o que deixa sempre uma margem para surpresas.
A poesia na TV

A poesia na TV

A Grande Entrevista a Ana Luísa Amaral, um dia depois de morrer, é um hino à poesia, à língua portuguesa e também à televisão, que se reconciliou por uma escassa hora com o tempo pausado da literatura.
RTP1 não vai à bola com elas

RTP1 não vai à bola com elas

O futebol feminino, além de ser um grande espetáculo, está a gerar interesse, fruto da polémica. E o que fez a RTP com um produto tão valioso na mão? A lógica indicaria que alinhava a final no canal 1. Mas a RTP fez precisamente o contrário, relegando o jogo para a RTP2, e assim abdicando de audiências, de visibilidade, e colocando-se, ainda para mais, do lado errado da história.
"Go f…, Putin!"

"Go f…, Putin!"

O que se passou com Pedro Abrunhosa não é um 'fait-divers'. Trata-se de um ataque fortíssimo à liberdade, perpetrado por uma embaixada estrangeira. Não pode, por essa razão, ser ignorado.
A saída para a SIC Notícias

A saída para a SIC Notícias

Só regressando à matriz original de conteúdos, como a política, e reduzindo as entrevistas em estúdio será possível inverter a queda. A SIC Notícias já não é o local preferido da bolha da política. Não é o canal que cobre o País. Não dá as notícias primeiro.

Mais Lidas

+ Lidas