'
Paulo Abreu
Paulo Abreu O Tal Canal

Notícia

A cereja e os tiros nos pés

O ‘The Voice Kids’, de Catarina Furtado, vai fazendo (e bem) o seu caminho, apesar das várias pedras no caminho; Fernando Mendes não merecia o mau planeamento da RTP e Daniel Oliveira sofre com ‘Vale Tudo’. Eis a semana na TV.
27 de maio de 2023 às 00:00
...
Catarina Furtado, The Voice Kids Foto: Instagram

1. É excelente o percurso do ‘The Voice Kids’. Praticamente sem campanhas de marketing, de promoção, sem os seus mentores – Aurea, Bárbara Tinoco, Carlão e Fernando Daniel – alinharem numa estratégia forte de comunicação com a RTP, a verdade é que o programa de talentos infantis musicais cumpre o seu papel na estação pública: juntar as famílias em frente ao pequeno ecrã, para desfrutarem de puros momentos de entretenimento, protagonizados por crianças e adolescentes, sem nunca ousar explorar os dramas pessoais de cada um, mas com muita emoção presente no palco e nos bastidores. Catarina Furtado, a apresentadora, é a cereja em cima do bolo.

E, por isso, as audiências são o que são. No domingo, apesar do escaldante Sporting-Benfica em futebol, o clássico dos clássicos em Portugal, e apesar do poderio das duas estações privadas, SIC e TVI, o ‘The Voice Kids’ conquistou 536 mil espectadores. Para se ter uma ideia, ‘O Triângulo’, de Cristina Ferreira, chegou aos 662 mil espectadores, e ‘Os Traidores’, de Daniela Ruah, aos 493 mil.

2. Neste sábado, 27, Fernando Mendes vai comandar uma emissão especial de ‘O Preço Certo’, no Funchal, ao longo de três horas, perante 1500 pessoas. Numa grande festa entre o povo madeirense, o apresentador merecia melhor sorte. Porquê? É só no dia em que se decide o campeão nacional, que vai fazer parar o País. É verdade que o evento está organizado há três meses, que a RTP não contava com a antecipação da jornada, mas, por precaução, o diretor José Fragoso, que por acaso até é um apaixonado por futebol e sabe, portanto, que há sempre imprevistos, deveria ter pensado noutra data, a da próxima semana, por exemplo. Assim, é claramente uma oportunidade perdida.   

3. A SIC, que se prepara para vencer maio à TVI, continua a ter margem de manobra para dar tiros nos pés. Um deles é ao sábado, com ‘Vale Tudo’. No último, um ‘Compacto Especial – César Mourão’, foi atropelado por ‘Festa É Festa’. Somou 378 mil espectadores, em horário nobre, o que roça a pesadelo. Certo, Daniel Oliveira?

Saber mais sobre

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas