'
Paulo Abreu
Paulo Abreu O Tal Canal

Notícia

Daniel Oliveira apertado na SIC

Estação de Paço de Arcos tem perdido em todos os horários para a TVI, à exceção dos jornais da tarde e da noite. Sem responsabilidades na Informação, diretor vive dias difíceis com a liderança das audiências em risco
19 de novembro de 2022 às 00:00
...
Daniel Oliveira

1. Vamos a números e factos. Entre segunda e sexta-feira da última semana, salvo raras exceções, a SIC perdeu os horários todos. Ou seja, a TVI ganhou com ‘Dois às 10’, ‘A Única Mulher’, ‘Goucha’, ‘Big Brother’, ‘Festa É Festa’, ‘Quero É Viver’ e ‘Para sempre’. Um desastre para Daniel Oliveira, que vê a sua estação na liderança graças aos jornais da tarde e da noite, onde não tem, obviamente, como diretor de Programas, responsabilidades.

Já com 2022 no bolso, mesmo que venha a perder novembro e dezembro para a TVI, a SIC tem, portanto, problemas graves para resolver. Daniel Oliveira, que nunca arriscou enquanto enfrentava um rival à deriva, vai ter de se assumir.

E 2023 está aí à porta, com José Eduardo Moniz a concentrar prioridades na Informação, a área mais difícil. Percebe-se. É aqui que está a chave do sucesso. Se a estação de Queluz de Baixo crescer nos jornais – a diferença à noite chega aos 200 mil espectadores, perdendo um dia ou outro para o ‘Telejornal’, da RTP1, uma coisa impensável –, teremos novo um líder de audiências, ao fim de quase quatro anos.

2. Bárbara Guimarães foi chamada para substituir Júlia Pinheiro nas tardes da SIC. A herança era difícil – ocupar o lugar de uma colega com tarimba e enfrentar Manuel Luís Goucha no horário é muita fruta –, o empenho foi notório, mas percebe-se que o tempo da apresentadora já passou, de facto, e que não tenha, por isso, mais oportunidades na estação de Paço de Arcos.

3. As imagens falsas na nossa televisão vieram para ficar. Desde jogos de computador para ‘pintar’ a guerra na Ucrânia (SIC e TVI) à vitória de Lula no Brasil com fogo de artifício 'made in Croácia' (RTP), há de tudo. Agora, o atentado em Istambul foi retratado na estação pública com outro… de março de 2016; e na conquista de Kherson pelos ucranianos, vimos Nuno Rogeiro e José Milhazes comentarem a notícia com vídeos na cidade de há oito meses. Uma miséria pegada!

4. José Manuel Freitas compra a ‘TV Guia’ todas as semanas – é leitura obrigatória lá em casa. O conceituado jornalista e comentador da CMTV esteve em seis Mundiais de futebol (!) e aceitou, para nosso orgulho, partilhar connosco algumas histórias, enquanto decorrer esta competição (vergonhosa) da FIFA no Qatar. Desfrute, que vale a pena.

Saber mais sobre

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas