Carlos Rodrigues
Carlos Rodrigues TV Meu Amor

Notícia

Carlos Rodrigues: "Programa de Sousa Martins é flop de audiências"

Resumos alargados do campeonato nacional, todos os fins de semana, na TVI, não convencem os espetadores. Formato prejudica desempenho da estação de Queluz de Baixo.
03 de fevereiro de 2017 às 00:00

O campeonato vai a meio. É boa altura para fazer o balanço de uma das novidades televisivas da época. Trata-se de 'Futebol Mais', que Sousa Martins apresenta aos fins de semana na TVI, e que devolveu o prazer da bola aos portugueses sem dinheiro para a Sport TV.

O regresso do campeonato à televisão de sinal aberto deve ser elogiado. Mas os elogios ficam-se por aí. Os resultados são desanimadores. Em cinco meses, 'Futebol Mais' só ganhou 3 vezes à SIC no seu horário. Em quatro ocasiões ficou mesmo atrás da RTP 1.

A média de share é de 13,1%. A média da TVI, em janeiro, por exemplo, está perto dos 22%. As razões do fracasso são simples de explicar. Falta de ritmo, erros de realização, critérios desligados da atualidade.

O programa de sábado, 28, é exemplar: gastou quase metade do tempo (20 minutos) com resumos e análise dos "grandes"; pouco mais de minuto e meio com as  outras partidas; e os restantes 18 minutos com a arbitragem.

O modelo parece ser fixo, quer haja dúvidas no apito, quer não haja. Se não, vejamos: esta semana foram analisados nove lances de Porto e Sporting. Só num deles houve divisão no juízo dos três ex-árbitros residentes.

Ou seja, o programa segue o seu rumo empastelado, mesmo quando não há polémica nem discussão. Problemas de realização, como comentadores tapados por tempo indefinido pelas folhas de quem está sentado do outro lado, agravam ainda mais o tom arrastado de um formato que presta um mau serviço ao futebol e é um fardo às costas da TVI. É urgente melhorar.

Mais notícias de A Grelha da Semana

O morgado e o deserdado

O morgado e o deserdado

Também a televisão tem horror ao vazio, como a natureza e a política. Grande ideias, formatos maravilhosos, apresentadores geniais, quantas vezes de nada valem porque alguém trabalha mais.
Cristina e o 'chef' a dividir

Cristina e o 'chef' a dividir

A SIC recuperou a liderança, a TVI afundou-se e a RTP estabilizou em 2019. Mas. no final, foi o furacão Ljubomir Stanisic que acabou por se impor como um dos protagonistas.
Eu, abaixo-assinado

Eu, abaixo-assinado

Nos moldes em que foi feita, a defesa da ex-diretora da RTP procura consagrar o jornalismo como uma espécie de sistemas de castas, com valores e normas éticas à parte do resto da sociedade. Isso é intolerável.
O ano do 'Sexta às 9'

O ano do 'Sexta às 9'

Consegue manter no ar um programa com investigações relevantes, e a fazer audiências. Enfrenta com coragem a tentativa de condicionamento por parte da direção da RTP. Sandra Felgueiras é uma das figuras do ano.
Manual de realização

Manual de realização

TVI derrota a SIC. Baratas, fogões imundos, comida apanhada do chão, um cozinheiro muçulmano que não pode provar os petiscos. O Pesadelo... tinha tudo para arrasar. Mas teve, sobretudo, um realizador de eleição.
Da Amadora para o RIO

Da Amadora para o RIO

Durante a homenagem na Câmara da cidade, Jesus bem perguntou, à esquerda e à direita: "Então e o hino de Portugal?"A bandeira das quinas ostentada pelo treinador não chegou para aproximar os países irmãos.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Ladainian 16.03.2017

Combined with the robots.txt analysis, thats a nice little tool. When generating the text for the robots.txt, it would be great if the tool could add in the sitemap declaration also, depending on what sitemaps have been submitted to Goshke.Tganlo.

;