Carlos Rodrigues
Carlos Rodrigues TV Meu amor

Notícia

2017: O melhor e o pior

Na programação e na Informação dos três canais generalistas, o ano teve, como sempre, bons e maus programas, mas também muitos momentos para esquecer.
22 de dezembro de 2017 às 07:00

O ano termina com dois bons momentos: Ana Leal, primeiro, e Alexandra Borges com Judite França, depois, assinam, na TVI, óptimas reportagens.

As séries informativas de Pedro Coelho, na SIC, as reportagens do Sexta às 9, na RTP-1 (sobretudo sobre os fogos), e a entrevista de Vítor Gonçalves a Sócrates também fazem parte do melhor do ano na informação generalista.

O pior foi o condicionamento da informação da TVI, alguns projectos da SIC, como a rubrica do ex-árbitro Duarte Gomes 'Ó Senhor Árbitro' ou o híbrido 'Nunca Visto', e a falta de inteligência da RTP na gestão do canal de informação.

Na programação, o pior do ano foram as séries da RTP, com 'A Criação' no topo da lista, e alguns programas, como o concurso de Alvim ('O Avô Fugiu de Casa'), as conversas de Bruno Nogueira e Esteves Cardoso (também eles 'Fugiram de Sua Casa') ou o 'Biggest Deal', da TVI.

Na categoria de melhores programas do ano estão as recentes novelas da TVI, 'A Herdeira' e 'Jogo Duplo',  o 'The Voice', da RTP, e, na SIC, o 'E Se Fosse Consigo', de Conceição Lino, e as 'Vidas Suspensas', de Ribeiro Cristóvão e Sofia Pinto Coelho.

Finalmente, houve momentos para esquecer: na RTP, a final da Taça em futebol feminino foi interrompida por um concerto, e o título mundial de Inês Henriques nos 50 quilómetros de marcha foi ignorado. Na SIC, a ridícula mascote dos 25 anos da estação não deixou saudades, e a taróloga Maria Helena, com os seus conselhos insensatos às mulheres traídas, saiu tarde demais.

Para esquecer é também o 'Futebol Mais', da TVI, que saiu da antena sem aviso prévio. 

Mais notícias de Piquete de Polícia

Caldo avinagrado

Caldo avinagrado

As redes sociais não são más porque nelas lemos, e vemos, palavras ordinárias, frases ainda mais reles, porque o insulto tem rédea solta. Pelo contrário. São uma poderosa fonte de liberdade.
Boa noite, Manuela

Boa noite, Manuela

Não sei que problemas Manuela Moura Guedes poderá trazer no futuro à SIC, dentro e fora de portas, o que sei é que a nova estrela da estação de Carnaxide para a área da informação.
Jornalistas em perigo

Jornalistas em perigo

No espaço de 1 ano, 3 repórteres foram assassinados na União Europeia. Todos investigavam esquemas de corrupção, máfias e poder político. A democracia jamais pode ser dada como adquirida.
Dias Fáceis

Dias Fáceis

Devemos respeitar a tristeza, mas não devemos alimentá-la, sob o risco de se tornar num monstro. Os monstros ocupam muito espaço, requerem muita atenção, podem virar-se a nós a qualquer momento e impedem-nos de viver a vida sem medo.
Renitência

Renitência

Renitência: s.f. Constructo psicológico próprio dos humanos; quem nunca tremeu nunca viveu.
Morangos, finalmente

Morangos, finalmente

No meio de tanto segredo à volta das estreias da TVI, que tantas vezes desrespeita o espectador, o regresso da novela juvenil é uma boa notícia. Que em Queluz de Baixo se comece a olhar para a nova estratégia da SIC.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Newsletter

Subscrever Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável