Paulo Abreu
Paulo Abreu O Tal Canal

Notícia

Rita Pereira vai à guerra com a SIC

A ficção pode bem vir a ajudar a decidir quem vai ganhar as audiências em 2020. A estação de Paço de Arcos está muito na frente, mas a de Queluz de Baixo tem gente com talento para inverter a situação.
17 de janeiro de 2020 às 22:30
...
Rita Pereira vai à guerra com a SIC
Foto: Colina Media
1.‘Nazaré’ e ‘Terra Brava’ esmagam ‘Na Corda Bamba’ e ‘Prisioneira’ nas audiências, de segunda a sexta-feira. É natural. As histórias e as personagens dizem muito aos portugueses. Há ali uma ligação afetiva, ora no mar, ora na terra, seja nos nomes das personagens, seja na costa litoral ou no Alentejo – ou até nas bandas sonoras. Tem gente nova a despontar, como Carolina Loureiro, e gente "velha" de regresso, como Noémia Costa. A SIC está a trabalhar bem a ficção, é um facto. A TVI, não. A TVI dominou a seu bel-prazer esta área nos últimos 15 anos e surpreendentemente perdeu o comboio. 

É verdade que viu partir alguns dos seus melhores atores e técnicos para o rival, é verdade que se cometeram muitos erros na gestão e no planeamento, mas também é verdade que há na estação muita matéria-prima para fazer mais e melhor. Para voltar a ganhar, sim. Com ou sem José Eduardo Moniz, que assume novos desafios no Brasil, mas com Alexandra Lencastre, Paulo Pires, Dalila Carmo, Diogo Infante, Rita Pereira, Pepê Rapazote, Margarida Vila-Nova, Joaquim Horta, Kelly Bailey e José Wallenstein, entre outros, na luta. Ora aqui está uma (boa) guerra, a da ficção, para travar em 2020 – e fundamental para quem quer ser líder.

2. Na semana passada, escrevi aqui que Ljubomir Stanisic era um campeão de audiências, que valia ouro e que, por isso, a TVI deveria saber mimá-lo, fazê-lo sentir-se em casa, para o ter por muito tempo consigo. Pois bem, com a SIC carregada de dinheiro e louca para o ir buscar, Nuno Santos, que assumiu a direção de Programas da estação na segunda-feira, não perdeu tempo. Conversou com o chef jugoslavo e convenceu-o a fazer ainda este ano mais uma edição de ‘Pesadelo na Cozinha’. Em cheio.

3. Grande aposta de Daniel Oliveira para o entretenimento da SIC no início de 2020, ‘Amigos Improváveis’ estreou no dia 4. Foi o programa mais visto desse sábado, com cerca de 1 milhão de espectadores e 22,2% de share. Mas, uma semana depois, ‘Amigos Improváveis’, apresentado por Andreia Rodrigues, perdeu mais de 470 mil espectadores. Se juntarmos a isto as derrotas de ‘A Máscara’ aos domingos, frente a Pesadelo na Cozinha, o diretor de Programas da SIC tem aqui alguns motivos de preocupação.

Mais notícias de O Tal Canal

O morgado e o deserdado

O morgado e o deserdado

Também a televisão tem horror ao vazio, como a natureza e a política. Grande ideias, formatos maravilhosos, apresentadores geniais, quantas vezes de nada valem porque alguém trabalha mais.
O noivo e os galácticos da SIC

O noivo e os galácticos da SIC

A SIC prefere antecipar-se à TVI e ao ‘Big Brother’ e, à pressa, sem o promover juntos dos portugueses, estrear já no domingo ‘O Noivo é que Sabe’. Com Cláudia Vieira ao leme, o sucesso do reality show não está na apresentadora.
O imperador César Mourão

O imperador César Mourão

O humorista da SIC estreou mais uma temporada de ‘Terra Nossa’ e destronou da liderança das audiências a novela ‘Quer o Destino’, da TVI. Mas o mais importante é mesmo o seu discurso ambicioso…
Teresa Guilherme em perigo

Teresa Guilherme em perigo

A apresentadora substitui Cláudio Ramos no ‘Big Brother’, após longa travessia no deserto, mas há cuidados a ter. Os inimigos estão aí

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Anónimo 18.01.2020

Rita Pereira vai à guerra com a sic? Uma pessoa sem talento algum para a representação vai salvar a tvi?

;