Luísa Jeremias
Luísa Jeremias No meu Sofá

Notícia

Como os mestres se adaptaram (muito bem) à nova realidade

Nestes tempos insólitos, inimagináveis, estar no sofá a ver produtos de primeiro nível nos diferentes canais e plataformas de streaming exige-se. É disso que vamos falar hoje.
22 de março de 2020 às 21:04
...
Como os mestres se adaptaram (muito bem) à nova realidade
A SIC estreou uma novela que é um exemplo de como é possível fazer bem, com uma linguagem moderna e que vai ao encontro dos gostos mais tradicionais do público.

'Amor de Mãe', da TV Globo, é um primor... de tudo: realização, fotografia (luz), diálogos, forma de filmar, banda sonora e, claro, interpretações. Parece cinema, mas não é. Podia ser uma série, mas não é. É novela. E excelente.

Tudo se resume ao seguinte: aqui é contada a história de três mulheres que se cruzam na vida. Mas essa história é contada de forma maravilhosa: com realismo, com movimento constante, com silêncios (que por vezes são mais importantes do que muitos diálogos e com muita, muita emoção). Mas emoção que parece real e não ficcionada. 'Amor de Mãe' é a vida como ela é. Não é um estúdio no qual os atores debitam texto. É entrar na vida das pessoas, partilhar o que elas sentem, como se fosse a nossa própria história. E por isso é obrigatório ser vista.

Vénia à TV Globo que não teve medo de apostar numa nova linguagem em televisão e que soube dar um passo em frente, certeiro, vanguardista e, porém, que suscita identificação com o espectador. Parabéns à SIC que, depois de uma novela popular, não teve medo de assumir este produto... mesmo a desoras.

Enquanto isso se passa na ficção, a TVI renasce das cinzas na informação. Ou melhor, no 'infotainment' (informação com 'entertainment'). O que aconteceu ao longo do dia de segunda-feira, primeiro dia "a sério" de quarentena em Portugal, com os profissionais de informação a trabalharem de mãos dadas com os de entretenimento e a pôr em antena a informação atualizada a cada minuto, foi notável.

Uma adaptação imediata à nova realidade que pode não ter trazido resultados imediatos nas audiências... mas lá chegaremos se o caminho for trilhado desta forma objetiva e eficaz.

E nesse campo, vénia à CMTV, na linha da frente da informação ao minuto sobre a Covid-19, aí sim, com os resultados já bem visíveis.

Agora é esperar... no sofá de casa.

Mais notícias de No meu Sofá

Em equipa que ganha não se mexe

Em equipa que ganha não se mexe

Se a fórmula 'Quem Quer Namorar com o Agricultor' resultara num simples reality show, por que não dar seguimento no produto mais acarinhado: a novela? Foi o que a SIC fez.
Como aprender com os erros dos outros

Como aprender com os erros dos outros

Se conseguirmos transportar esta história real para Portugal, conseguiremos entender bastante do que se passa com a SIC e a TVI e como se deu a transferência de público do canal tradicional das novelas portuguesas para o "novato" que, de um dia para o outro, descobriu a bola de cristal
'Casados': a novela da vida real ganhou personagens

'Casados': a novela da vida real ganhou personagens

O formato, até ver, sofisticou! Como? Perdida a inocência da primeira série e volvidas duas temporadas de 'Quem Quer Namorar com o Agricultor' - o parente simplório deste novo formato de realities - os candidatos passaram a saber "ao que vão".

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
;