Paulo Abreu
Paulo Abreu O Tal Canal

Notícia

À beira do abismo

O concurso de Cristina Ferreira podia estar entregue a um Manzarra qualquer, com esta má aposta da SIC a poder manchar o currículo da apresentadora. Mas há mais desgraças na nossa TV…
10 de agosto de 2019 às 19:43
...
À beira do abismo
1 - Cristina Ferreira estreou Prémio de Sonho na segunda-feira, dia 5. O novo concurso dos finais de tarde da SIC venceu o seu horário, com 725 mil espectadores, frente a um adversário sempre de respeito como é O Preço Certo (562 mil), apresentado por Fernando Mendes na RTP1. E também ganhou na terça e na quarta. Mas na quinta, 8, já perdeu para o rival. Audiências à parte, o conceito é diferente de tudo o que tínhamos visto até agora, e pode ser que, após as 50 emissões, até continue a ser aposta… sem ser necessária a presença da estrela da estação. Afinal, isto podia ser feito por um Manzarra qualquer… 

2 - José Eduardo Moniz atravessa uma fase difícil na TVI. Para já, parece que a nova administração e a nova direção de programas contam com ele só para ir gerindo a ficção da estação, área onde manda desde 2014, e, nos últimos dias, o consultor deixou bem explícito no Instagram que vão ter de levar consigo, "quer queiram, quer não queiram". À beira do abismo, para onde caminha a estação de Queluz de Baixo?

3 - Rui Porto Nunes, ator mediano da nossa praça, esteve quase quatro anos sem trabalho. Apareceu agora no pequeno ecrã, a fazer de "repórter" na Volta a Portugal em Bicicleta. Na segunda-feira, dia 5, em Oliveira do Hospital, cruzou-se com um ciclista do Sporting/Tavira e disse o seguinte: "Como é, Frederico [Figueiredo], tudo bem? Dá cá mais cinco! Isso ontem é que foi um dia difícil para o Sporting, hem?" O dia difícil dizia respeito à final da Supertaça de futebol da véspera, em Loulé/Faro, que acabou numa goleada do Benfica sobre o velho rival (5-0). Enfim, o culpado não é ele.

4 - No último sábado, tomei o pequeno-almoço com um responsável da RTP. A certo momento da conversa – sobre televisão, claro – ele diz-me isto: "Olha, a CMTV tem lá uns miúdos muito bons…" Pedi-lhe um nome, e a resposta foi rápida: "A Mariana Águas, por exemplo. No meio daquela barafunda do futebol, consegue meter ordem na casa. Gosto dela." Na segunda-feira, fui espreitar com mais atenção o Pé em Riste, que apresenta na estação da Cofina, e lá estava – é verdade – Mariana Águas, segura, serena, conhecedora do fenómeno, a domar as feras em estúdio. Ainda há coisas boas na nossa TV. E gente capaz de reconhecer valor aos outros.

Mais notícias de O Tal Canal

Teresa Guilherme em perigo

Teresa Guilherme em perigo

A apresentadora substitui Cláudio Ramos no ‘Big Brother’, após longa travessia no deserto, mas há cuidados a ter. Os inimigos estão aí
SIC ataca (e bem) a TVI

SIC ataca (e bem) a TVI

O ‘Big Brother’ ganha ao ‘Agricultor’? Não faz mal: aposta-se em ‘Nazaré’. O ‘Somos Portugal’ é uma marca? Não faz mal: faz-se uma coisa igual. Na guerra vale tudo, e a estação de Queluz de Baixo não tem muito tempo…
Os milagres na TVI… e alunos e professores em lágrimas

Os milagres na TVI… e alunos e professores em lágrimas

Aos domingos, o ‘Big Brother’ parte sempre muito atrás de ‘Quem Quer Namorar com o Agricultor?’, mas tem conseguido vencer o rival, o que é notável. Tudo numa semana em que as escolas fecharam e a emoção tomou conta de todos.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
;