Paulo Abreu
Paulo Abreu O Tal Canal

Notícia

Cristina Ferreira entrega-se a juiz para fugir a dívida

A SIC exige 20 milhões de euros, nos próximos 15 dias, à apresentadora da TVI e esta diz que não paga. O caso vai para tribunal, obviamente.
22 de agosto de 2020 às 10:00
...
Cristina Ferreira entrega-se a juiz para fugir a dívida
1. Um mês depois de Cristina Ferreira ter anunciado a sua saída da SIC, e já com as contas todas feitas na calculadora da família Balsemão, a estação de Paço de Arcos exige à apresentadora o pagamento de 20 milhões de euros – e mais uns cêntimos. O valor da indemnização, a ser paga num prazo de 15 dias, segundo o ‘Correio da Manhã’, tem como base o incumprimento do contrato que vigorava até 2022 e o prejuízo calculado por perda de receitas em concursos com chamadas d e valor acrescentado, publicidade, patrocínios e ações comerciais. Ela diz que não paga.

Com o cerco a apertar-se à nova diretora da TVI, uma guerra a fazer lembrar os tempos em que Jorge Jesus passou do Benfica para o Sporting, os próximos dias, semanas e meses prometem fazer correr muita tinta (em tribunal, claro), tudo numa época em que o País vive com o espetro de uma grave crise económica e a televisão dá sinais de que dinheiro, afinal, é coisa que não vai faltar.

Nestes últimos meses, isso foi evidente. Além de ter recuperado Cristina, a troco de 2,6 milhões de euros por ano, a TVI renovou o vínculo com Lourenço Ortigão e foi buscar Cláudio Ramos, Maria Botelho Moniz, Mafalda de Castro, Marco Horácio, Inês Castel-Branco e Teresa Guilherme. Em Paço de Arcos, gastaram-se milhares de euros para segurar (quase de forma vitalícia) João Baião e contratar Alexandra Lencastre, Ricardo Araújo Pereira, Bruno Nogueira e Ljubomir Stanisic, estes dois últimos anunciados em primeira mão pela 'TV Guia'. 

Aliás, a transferência do 'chef' jugoslavo também irá dar que falar, uma vez que rescindiu unilateralmente o contrato que tinha com a estação de Queluz de Baixo até dezembro e tinha mais uma temporada de ‘Pesadelo na Cozinha’ para gravar. Que contas irá fazer a Media Capital a este negócio… que também tem tudo para acabar a ser decidido por um juiz? É que Ljubomir e o seu programa, como se sabe, eram um sucesso na televisão e davam milhões à TVI.

2. Com esta guerra entre SIC e TVI, a RTP vai passando pelos pingos da chuva. A estação pública, que não coloca um programa na tabela semanal dos 10 programas mais vistos a não ser quando tem futebol, continua a ter coisas boas para ver. Uma delas é a série Terra Nova, à quarta-feira à noite. Com meio mundo a brincar ao faz de conta, espreite Vítor Norte. Espreite.

Mais notícias de O Tal Canal

Alerta na SIC

Alerta na SIC

É verdade que a estação de Paço de Arcos é líder de audiências, com uma margem confortável, mas também é verdade que já perde em várias frentes para a TVI. A maratona começou agora.
O noivo e os galácticos da SIC

O noivo e os galácticos da SIC

A SIC prefere antecipar-se à TVI e ao ‘Big Brother’ e, à pressa, sem o promover juntos dos portugueses, estrear já no domingo ‘O Noivo é que Sabe’. Com Cláudia Vieira ao leme, o sucesso do reality show não está na apresentadora.
O imperador César Mourão

O imperador César Mourão

O humorista da SIC estreou mais uma temporada de ‘Terra Nossa’ e destronou da liderança das audiências a novela ‘Quer o Destino’, da TVI. Mas o mais importante é mesmo o seu discurso ambicioso…
Teresa Guilherme em perigo

Teresa Guilherme em perigo

A apresentadora substitui Cláudio Ramos no ‘Big Brother’, após longa travessia no deserto, mas há cuidados a ter. Os inimigos estão aí

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Anónimo Há 3 semanas

Lá está o piqueno com as suas escolhas imprecisas… ò Paulinho, querido, não tinha outra palavra mais apropriada? Então a cachopa "entrega-se a juiz" e logo para "fugir" ??? Mas que granda confusão de titulo! E a sua precisão em dizer: 20 milhões e mais uns cêntimos… LOL isto é com cada informação...

PORTUGUÊS GENUÍNO* Há 3 semanas

Não se medem as sequências,e com toda a respeito que tinha pelo seu programa, Cristina(Deus no céu, ela na terra),julgou-se um portento, que passa por todos os problemas sorrindo histericamente,dando abertura a mais uma aceitação do que pelo valor que lhe é concedido,embora paga principescamente,mas que não resiste a um bom punhado de €. que aumente o seu pecúlio, nem que para isso tenha de quebrar a barreira da sua firmação em contractos que tem de ser escrupulosamente cumpridos.Certamente a SIC,sente-se defraudada pela expectativa,de um forte investimento que foi feito e assim e bem,a família do barão Balsemão,quer ser ressarcida de um investimento, que havia sido efectuado visando o lucro,e nunca em beneficio da srª.do eu quero, posso e mando,e sim da empresa que só sobrevive,ela e os seus fiéis, acompanhantes,que fazem daquela casa (SIC), uma das maiores de Portugal.Não será certamente um juíz,por muito que a TINA se lhe entregue, que lhe perdoará a desmesurada
irresponsabilidade.

;