Paulo Abreu
Paulo Abreu O Tal Canal

Notícia

Paródia na TVI

Alguns atores, como Lourenço Ortigão e Benedita Pereira, não sabem que nova novela ‘Prisioneira’ vem aí e assumem-se perdidos. Parece brincadeira, mas é verdade. Na estação de Queluz de Baixo poucos sabem o que andam a fazer
31 de agosto de 2019 às 12:26
...
Paródia na TVI
1. A TVI, que consegue manter por uma margem mínima o 2º lugar nas audiências no mês de agosto, perante uma mediana RTP1, continua uma paródia. Desta vez por causa da ficção nacional. A novela ‘Prisioneira’, que já foi líder com mais de um milhão de espectadores, vai sofrer uma reviravolta na história. Deixa o drama e a tragédia e passa para uma comédia romântica. O problema não é esse. Se os resultados não correspondem às expectativas nem às ambições da estação, o melhor é encontrar outras soluções – espera-se que melhores. O problema é este: os atores não sabem muito bem o que fazer.

Exemplo flagrante do que estou a dizer: "Há muitas mudanças, e ainda me estou a adaptar ao que está a acontecer. Há uma grande misturada de géneros. A minha Monique vai ter um lado cómico… Não sei é muito bem como vai ser", confessa Benedita Pereira. Outro dos protagonistas da história assinada por Maria João Mira, Lourenço Ortigão, revela que "todos estão confusos". "Há muita coisa a acontecer e a mudar, o que nem sempre ajuda. Mas estamos todos empenhados." Ora bem, é esta a sorte de Felipa Garnel, a nova diretora de Programas da TVI: as estrelas da estação estarem empenhadas. Porque o resto, a falta de uma estratégia bem definida, onde todos saibam o que estão a fazer, parece teimar em não existir.

2. A TVI estreia neste domingo a 5.ª temporada de ‘MasterChef’, um formato de entretenimento que pode ser visto em casa por toda a família. Com Manuel Luís Goucha na apresentação, os chefs Miguel Rocha Vieira, Rui Paula e Nuno Bergonse como jurados, e 15 concorrentes à procura de um lugar ao sol nas melhores cozinhas do País, estão encontrados provavelmente os ingredientes certos para mais sucesso. Se não for, o que acontecerá pela primeira vez, fará melhor, quase de certeza, do que as últimas apostas da estação de Queluz de Baixo para os serões do dia mais importante na televisão portuguesa. Sim, falo da novela ‘Prisioneira’ (615 mil espectadores), da série ‘37’ (416 mil) e do espetáculo ‘Roast’ (172 mil).

Mais notícias de O Tal Canal

Coitada da Olívia Ortiz

Coitada da Olívia Ortiz

Na prateleira da TVI, a apresentadora decidiu ir ao programa de Cristina Ferreira, na SIC. Não ganhou nada em Paço de Arcos, perdeu tudo em Queluz de Baixo. Pedro Teixeira e Lourenço Ortigão bem podiam dar-lhe uma lição… num País onde Marcelo já quer saber como estão os seus índices de popularidade.
O circo está montado

O circo está montado

Além do ‘The Voice’, que promove mais a música estrangeira do que a portuguesa, temos de novo ‘Casados à Primeira Vista’. Catarina Furtado e Diana Chaves têm a palavra.
Globos pariram um rato

Globos pariram um rato

A cerimónia foi líder de audiências e isso chega para a SIC. Mas quando, no dia seguinte, só se fala dos cinco vestidos de Cristina Ferreira e de Bárbara Guimarães, algo vai mal na televisão portuguesa.
Há dinheiro na RTP

Há dinheiro na RTP

Depois de 'Sul', a estação pública anunciou a estreia de mais séries, concursos e documentários nas próximas semanas. Quantidade não falta. E qualidade, como exige Miguel Guilherme, há?
Desastre fatal

Desastre fatal

A nova novela da TVI, 'Na Corda Bamba', confirma o pior dos cenários: nada do que passa na estação de Queluz de Baixo reúne a preferência dos portugueses.
TVI em chamas

TVI em chamas

O Programa de Fernanda Serrano antes do 'Jornal das 8' não lembra a ninguém. E as audiências são implacáveis – perdão, os portugueses. A primeira aposta de Felipa Garnel é um fracasso.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!