Pedro Chagas Freitas
Pedro Chagas Freitas Dicionário do amor

Notícia

O amor é...

...é o melhor dos maus caminhos.
07 de maio de 2019 às 12:14
...
O amor é...

[a explicação da traição]

A sinceridade é ter a capacidade de sofrer porque tem de ser, porque a consciência o exige. O mundo é muitas vezes tão hipócrita que prefere manter ligações que são erigidas sobre mentiras do que, serenamente, sem fazer grandes ondas, perceber que é tempo de as abandonar, sob pena de uma mentira se transformar em muitas. Algumas pesquisas estabelecem que são, entre os Homens, os mais burros, os que têm um quociente de inteligência mais baixo, que traem – até porque é um sintoma de evolução da espécie interpretar e manifestar um comportamento estribado na fidelidade. Será acertado, presumivelmente, como também é acertado afirmar que muitas vezes recebemos e damos  lições porque a isso fomos obrigados. E ainda bem. Toma lá.

[a explicação da mentira]

O mercado de acções é um pedaço de mau caminho.

Atrai muitos principiantes, seduzidos pela sereia do dinheiro fácil, e que acabam por ser comidos de cebolada pelos grandes accionistas, lobos velhos desta indústria que tem muito que se lhe diga. Para ganhar dinheiro, é necessário estudo, análise profunda e, não especulando, saber tudo sobre especulação.

A especulação é um dos vectores fundamentais de todo o processo de compra e venda de acções, é sobre ela que tudo se sustenta, ou quase tudo, ou mesmo tudo. Para resumir numa linha só: a especulação é a previsão que os investidores fazem sobre uma determinada acção. Isso mesmo, e só isso mesmo: uma previsão. E é sobre uma previsão, sobre algo tão volátil, tão imprevisível e tão passível de falha, que todo um mercado de milhões se sustenta. Que bela merda.

O sistema é muito simples: quando alguém se interessa por uma acção, tem, na base desse interesse, uma qualquer justificação. Depois dessa justificação, altamente pessoal na maioria das vezes, vem a segunda fase, a da pesquisa. Procura informações gerais sobre a empresa. Quer, no fundo, ter uma visão mais fundada sobre se aquele investimento terá algum futuro. É aqui que entra a especulação, que mais não é do que uma simples opinião. Estamos, aqui, ao nível mais básico: o da lei da oferta e da procura.

Neste caso em concreto, nas ofertas públicas de acções, há uma quantidade fixa de acções que são libertadas para o mercado. O que é variável é o número de interessados nessas acções, e é aí que o jogo, o autêntico jogo, começa: o número de pessoas interessadas varia, claro, por culpa do diz que disse, por culpa das tais previsões sobre o futuro, promissor ou não, da empresa em questão. Se mais pessoas estiverem interessadas, o preço sobe; se menos pessoas estiverem interessadas, o preço desce. Mais básico é difícil.

Para fechar com chave de ouro (e o ouro, esse, vale sempre muito e é sempre, dizem, um bom investimento): neste mercado, a especulação vale milhões, a opinião vale milhões. Mais ainda – e aqui está o ponto ao qual queríamos chegar, lamentamos ter demorado tanto tempo mas era imperativo contextualizar: neste mercado, a mentira vale milhões.

Som: s.m. Aquilo que nos abala as estranhas; quando ouves a voz de quem amas não ouves a voz de quem amas: amas a voz de quem amas.

Mais notícias de Dicionário do Amor

O amor é...

O amor é...

... a corda que, por mais que por vezes te aperte, te prende à vida.
O amor é...

O amor é...

...aquilo que só é ridículo quando não é ridículo.
O amor é...

O amor é...

...a melhor consequência da inconsequência.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!