Sandro Bettencourt
Sandro Bettencourt Por detrás das câmaras

Notícia

Tramado pela FIFA

Adrien só volta a jogar na Premier League a partir de janeiro de 2018. Mas, mais do que conseguir gerir os índices físicos, o jogador terá de ter a capacidade de resistir a uma terrível pressão psicológica. As perguntas que ainda hoje me acicatam, são talvez as mesmas que certamente lhe inquietam a alma.
06 de setembro de 2017 às 18:41
...
Tramado pela FIFA


No dia 31 de Agosto, à medida que o relógio se aproximava da 00h00, era tremenda a expectativa para perceber de que forma iriam os vários clubes de futebol reforçar-se por forma a fazer frente a mais uma época desportiva exigente. Coordenar uma emissão televisiva com estas características encerra algo de especial.

A necessidade de estar em alerta ininterrupto e de levar aos espetadores as últimas novidades sobre o mercado de transferências transformam a régie num local privilegiado, electrizante. Apesar de não ter sido a mais cara, ou até mesmo a mais mediática, a transferência de Adrien Silva para o Leicester abriu uma ferida, que tão cedo não irá sarar.

Por 14 segundos apenas de atraso, o internacional português, que vive actualmente um momento de forma irrepreensível, passou do sonho ao pesadelo. O organismo máximo que tutela o futebol a nível mundial não validou a transferência do campeão europeu acabando por criar no atleta um sentimento de profunda angústia e tristeza. Adrien Silva, por tudo o que foi e representa para o mundo do futebol não merecia tão triste fado. É impossível, mesmo para um jornalista, ficar indiferente à incerteza a que ficou vetado o seu futuro nos relvados.

Adrien só volta a jogar na Premier League a partir de janeiro de 2018. Mas, mais do que conseguir gerir os índices físicos, o jogador terá de ter a capacidade de resistir a uma terrível pressão psicológica. As perguntas que ainda hoje me acicatam, são talvez as mesmas que certamente lhe inquietam a alma.

Quem foram os culpados pelo atraso em todo este processo? Em ano de mundial, na Rússia, como irá Adrien conseguir estar em forma depois de ser obrigado a parar? A saída de Adrien do Sporting era algo inevitável, previsível, desde há algumas épocas a esta parte.

A estreia na Premier League, assim como o seu futuro ficam em suspenso. Já não bastava a angústia de ter saído do clube do coração sem conseguir cumprir a promessa de só deixar Alvalade depois de ser campeão? Que os próximos três meses passem de forma vertiginosa. O futebol precisa do génio de Adrien Silva.

Mais notícias de Por detrás da Câmara

Impossível baixar a guarda!

Impossível baixar a guarda!

Infelizmente basta ligar a televisão ou ler as manchetes dos principais jornais e meios de comunicação online para perceber que as festas ilegais continuam a acontecer de norte a sul do país; que os convívios multinucleares são cada vez mais encarados como autênticas festas de desconfinamento, que o sol, o calor e o mar estão a toldar os sentidos conduzindo-nos para o precipício.
Jornalismo: o "antídoto" para a desinformação

Jornalismo: o "antídoto" para a desinformação

Os jornalistas nunca pararam durante os últimos três meses. Ao lado dos portugueses dignificaram a missão e o compromisso de informá-los ao segundo sobre a Pandemia. Esta crise trouxe consigo a certeza de que a comunicação social é o pilar de qualquer democracia.
Parabéns CMTV!

Parabéns CMTV!

Sete anos depois a CMTV continua na linha da frente com as notícias que marcam a história do país e do mundo. O canal do 'Correio da Manhã' está mais próximo do que nunca dos portugueses na luta contra o Covid-19.
E agora, Ronaldo?

E agora, Ronaldo?

Cristiano Ronaldo vive talvez o maior drama desde que o pai faleceu em 2005. A mãe, confidente e melhor amiga continua internada no hospital depois de sofrer um AVC.
O poder da fé

O poder da fé

Na década de 90 Marco Paulo fintou o destino. A crença, a vontade de viver e servir uma autêntica legião de fãs agarraram-no à vida. Agora não será diferente.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
;