Notícia

Drama

Tão triste e dramático! Jovem de 17 anos quis morrer por não aguentar o trauma de ter sido violada

Noa Pothoven conseguiu o quis: ser eutanasiada. A adolescente holandesa não suportava viver com as recordações de ter sido abusada sexualmente. Morreu em casa rodeada da família.
05 de junho de 2019 às 18:27
Noa Pothoven, a jovem que decidiu morrer aos 17 anos
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven
Noa Pothoven

"Vou direta ao assunto: vou morrer no máximo de 10 dias. Depois de anos de dor, a minha luta termina... Serei libertada porque o meu sofrimento é insuportável", foi assim que Noa Pothoven, de apenas 17 anos de idade, se dirigiu aos seus seguidores de Intagram, antes de escolher morrer por eutanásia.

A história dramática desta jovem holandesa, que vivia na cidade de Arnhem, está a correr o mundo. Noa nunca conseguiu ultrapassar o facto de ter sido vítima de agressões sexuais e sucessivas violações durante a infância que escondeu por "medo e vergonha".

A adolescente, que morreu em sua casa rodeada pela família, publicou uma biografia 'Winnen of leren' ['Ganhar ou Aprender'] em que revela as tentativas de suicídio e lutas contra a depressão e a anorexia. Reconheceu que o stress pós-traumático e os traumas a impediam de levar uma vida normal.

Noa decidiu que a morte era a solução para os seus problemas. Foi ela que planeou e tratou de tudo: "Não é um plano impulsivo. Não me tentem convencer de que isto não é o melhor - É uma decisão bem pensada e definitiva. Amor é também deixar ir", escreveu na sua "carta" de despedida.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Anónimo Há 1 semana

chorei quando li a noticia da jovem holandesa que preferiu morrer do que estar a sofrer por ter sido violada varias vezes nao viu outra solucçao senao a morte muitos lutam para viverem mas esta jovem viu a morte como unica soluçao para os seus problemas e muito triste com apenas 17 anos querer morrer fico indignada com as penas leves que esses cabroes de violadores andam em liberdade ainda rindo e vivendo a vida na tranquilidade e preciso mudar votem na pena de morte desses cabroes

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;