Notícia

Polémica

Triste fado! De vice-campeã mundial de ginástica a atriz porno

Verona van de Leur era uma das maiores promessas da ginástica mundial, mas a má relação com os pais, a delinquência e a mendicidade empurraram-na para a indústria pornográfica.
03 de novembro de 2019 às 19:15
Conheça a ginasta que trocou as medalhas pela pornografia
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur
Verona van de Leur, tem  33 anos, tem uma história de vida muito cheia de altos e baixos. Chegou a ser uma das melhores ginastas do mundo, mas hoje ganha a vida como estrela pornográfica. Na origem desta reviravolta está uma má relação com os pais, que a levou à delinquência à mendicidade e, consequentemente, à prisão. 

A holandesa foi vice-campeã da Europa em 2002, tinha então apenas 16 anos, e antevia-se-lhe um futuro glorioso pela frente. Abandonou a carreira desportiva em 2008, uma decisão que não agradou aos pais e, segundo contou, a sua descida aos infernos começou no dia em que eles a expulsaram de casa.

Verona acusou os pais de terem ficado com o seu dinheiro e, quando o recuperou, gastou tudo com a ajuda do namorado. Sem meios de subsistência, o casal não tardou a passar a viver na rua, moravam num carro. "Passámos invernos muito duros, com a neve a cobrir o carro", recorda. Faziam as necessidades na rua, quando conseguiam algum dinheiro iam a um ginásio tomar banho. "Sobrevivíamos. Se não tínhamos dinheiro comíamos um pão com manteiga", contou a antiga ginasta, que chegou a furtar em supermercados para poder comer.

Chegou a estar presas por delitos vários, entre os quais, posse de arma branca e chantagem. Em 2011, acaba por ser desafiada para trabalhar na indústria pornográfica. "Ofereceram-me uma quantidade de dinheiro que não pude recusar"

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
ComePito Há 4 dias

Triste fado? Porquê?
Ela não parece nada arrependida. Qual o problema? Porquê o juízo de valor?

O Santo Há 1 semana

Que tenha bom proveito, quem a comer !

Isabela Miranda Há 1 semana

Quer encontrar uma garota por uma noite? Bem-vindo - www.GetMeets.com

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável