Notícia

Toiros

Lágrimas de saudade: Joaquim Bastinhas homenageado em exposição no Campo Pequeno

Está a decorrer a exposição 'O nosso Joaquim Bastinhas', no Campo Pequeno, para recordar os melhores momentos do cavaleiro de Elvas. Na quinta-feira, 6, é a corrida de homenagem na monumental de Lisboa, com o matador espanhol, Cayetano Rivera Ordóñez.
05 de junho de 2019 às 20:41
Joaquim Bastinhas, um dos mais célebres cavaleiros tauromáquicos portugueses, falecido a 31 de dezembro de 2018, está a ser homenageado numa exposição, curada por Helena Nabeiro Tenório, a viúva do toureiro. Na quinta-feira, dia 6, a noturna da praça do Campo Pequeno, dá continuidade à homenagem ao cavaleiro de Elvas, com uma corrida de toiros mista, a Grande Corrida 'CM'. O cartel é composto pelos cavaleiros João Moura e Marcos Tenório Bastinhas, filho de Joaquim Bastinhas, e o matador de toiros espanhol, Cayetano Rivera Ordóñez. 

'O nosso Joaquim Bastinhas', a exposição que está a decorrer no Campo Pequeno, foi inaugurada terça-feira, 4, e conta com objetos pessoais, prémios, fotografias e outros documentos que fazem parte do percurso profissional do toureiro que se apresentou como cavaleiro amador aos 12 anos de idade.

Para além de homenagear Joaquim Bastinhas, a intenção é a de dar a conhecer ao público quem foi o artista tauromáquico conhecido como o "toureiro do povo" e que se fez anunciar pela alcunha de Bastinhas, nome pelo qual o seu pai, Sebastião Tenório, também cavaleiro tauromáquico, era conhecido.

"Joaquim Bastinhas era figura na praça e em programas de televisão, que pouco ou nada tinham a ver com tauromaquia, precisamente pelo seu estilo comunicativo, de espontânea verdade, que colocava em tudo o que fazia", recordou Paulo Pereira, relações públicas da empresa do Campo Pequeno.

Depois de três anos afastado devido a um grave acidente sofrido na sua herdade em Elvas, Joaquim Bastinhas voltou às arenas em 2018.

Tristemente, acabaria por morrer a 31 de dezembro do ano passado devido a complicações pós-operatórias, na sequência de pólipo intestinal, tendo permanecido em coma induzido durante longas semanas.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável