Os 11 famosos que foram filhos não desejados pelas mães

Brooke Shields: No seu livro 'There Was a Little Girl', a atriz revelou que o seu avô paterno quis pagar à sua mãe para que fizesse um aborto. Ela recusou-se

Papa João Paulo II: A sua mãe, que já havia perdido uma filha pouco depois do nascimento, decidiu avançar com a gravidez mesmo depois dos médicos a terem aconselhado a fazer uma interrupção

Andrea Boccelli: Também a mãe do cantor recusou-se a fazer um aborto por recomendação médica depois de ter sido internada na sequência de uma apendicite.

Celine Dion: A mãe tinha já 13 filhos quando engravidou de Celine e ponderou interromper a gravidez. mas o padre acabou por convencê-la a ter a criança.

Cristiano Ronaldo: As condições financeiras da família levaram Dolores Aveiro a pensar não ter este filho... mas apesar da mezinha caseira que que tomou para interromper a gravidez, Cristiano acabou por nascer.

Jack Nicholson: "O meu único sentimento é gratidão pela minha vida. Se a minha mãe e a minha avó não fossem pessoas de carácter, não teria nascido", disse em entrevista. O ator diz-se contra o aborto.

Justin Bieber: A sua mãe engravidou aos 17 anos e, por isso, foi aconselhada a não ter o bebé. Ela acabou por decidir ser mãe adolescente.

Cher: A mãe chegou mesmo a entrar na clínica para fazer o aborto... mas reconsiderou e saiu de lá a correr.

Steve Jobs: "A minha mãe tinha 23 anos e passou por muitas dificuldades para me ter", contou numa entrevista na qual acabou por ser definir como uma "quase vítima" do aborto

Nick Cannon: O conhecido cantor e apresentador já cantou que a sua mãe tinha optado pelo aborto mas que. à última da hora, decidiu o contrário

Tim Tebow: A mãe do desportista tratava uma doença com fortes medicamentos quando engravidou. Foi aconselhada a fazer um aborto, mas ela optou por não fazê-lo.

Notícia

;