Notícia

Agenda

Tudo o que sempre quis saber sobre António Variações

É o filme mais aguardado do ano, mexe com a intimidade do cantor mais polémico dos anos 1980, mete sexo, dramas e morte. Esta e outras sugestões para ver no cinema esta semana.
Por João Bénard Garcia | 21 de agosto de 2019 às 19:36
O filme 'Variações', de João Maia, que conta a polémica história de vida do malogrado barbeiro e cantor António Variações, chega esta quinta-feira, 22, às salas de cinema portuguesas, e é uma das estreias mais aguardadas de 2019.

'Variações' é um projeto 100 por cento português, que nasceu por imitação de formatos recentes de sucesso nas redes de distribuição cinematográfica internacional, como Bohemian Rhapsody, sobre o mítico vocalista dos Queen, Freddie Mercury, ou de Rocketman, sobre o popular cantor Elton John. A história decorre em Pilar, em Amares, Braga, onde vivia o Toninho, segundo a mãe, que ainda pequeno foi obrigado a ir trabalhar numa fábrica, que odiava o contexto religioso da aldeia e que tinha como referência musical a fadista Amália Rodrigues, na época já uma secreta referência para a comunidade gay nacional.

A diegese do filme, que se concentra no período entre 1977 e 1981, os primeiros anos da carreira do cantor, dá no final um salto até 1984, altura em que, com 39 anos de idade, morre com Sida, tal como aconteceu a Freddie Mercury. O filme retrata o envolvimento do protagonista, interpretado por Sérgio Praia, com o antigo namorado, Fernando Ataíde (Filipe Duarte), um dos donos da discoteca Trumps que tinha sido patrão de António numa das barbearias onde trabalhou.



Em 'A semente do mal', de Michael Winnick, Dau, uma jovem tailandesa que cresceu num pequeno bosque e que vive com a sua avó, tem na magia parte da sua educação. Desde pequena aprendeu o poder da magia para se proteger dos espíritos malvados, para ter sorte, ser bela e livrar-se dos seus rivais. Também aprendeu as regras que deveria cumprir se algum dia chegasse a usar os seus poderes de bruxa.



'Tudo bons meninos', realizado por Gene Stupnitsky, é outra das opções para ver no cinema a partir desta quinta-feira. Depois de ser convidado para jogar ao bate-pé pela primeira vez aos 12 anos, Max (Jacob Tremblay, Quarto) está em pânico por não saber como beijar. Ansioso por dicas, Max e os seus melhores amigos, Thor e Lucas, decidem usar um drone para espiarem (acham eles) um casal de adolescentes a namorar na casa ao lado.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável