Notícia

Casas Reais

8 palavras que a rainha Isabel proíbe a família de usar

A família real britânica é muito snob. E existem 8 palavras proibidas entre eles, que não lhes fica bem dizer, como perdão, chá ou perfume. Saiba como as substituem.
Por Carina Andrade | 09 de março de 2017 às 18:55
8 palavras que a rainha Isabel nunca usa
Os principezinhos George e Charlotte tratam William e Kate por papá e mamã. Os termos mãe e pai não são permitidos na família
O príncipe William nunca usa a palavra 'pátio', prefere dizer 'terraço'.
A princesa Diana ensinou os seus filhos a utilizarem a expressão 'desculpe?', em vez da palavra 'perdão'.
Príncipe Carlos e Camila, atual companheira
Para os príncipes, William e Harry, não existem pessoas 'finas', o que há são pessoas 'inteligentes'
Agora que está na família real Kate Middleton deixou de dizer a palavra 'perfume', dizendo antes que está a usar um 'aroma'
A família real não vai para o salão do palácio de Buckingham. Chamam aos salões 'salas de estar'
A rainha Isabel II não se refere à sua refeição do final da tarde como 'chá das cinco', mas sim 'jantar' ou 'ceia'
Família Real inglesa
Duques de Cambridge
Princesa Diana
Principe Carlos e Camilla
William e Harry
Kate Middleton e William
Palácio Buckingham
Rainha Isabel II

Se os ingleses são conhecidos pelo seu snobismo, a família real ainda é mais restritiva em relação a certos costumes e comportamentos. E linguagem. Há certas palavras eles não fazem parte do vocabulário da rainha Isabel, nem dos filhos, netos e parentes mais próximos. Há que ser diferente, por isso substituem-nas. 

A pesquisa foi feita pela antropóloga social Kate Fox que a divulgou à imprensa.

Conheça as 8 palavras que o príncipe William e Kate nunca vão ensinar aos seus filhos, e os termos que as substituem. 

1 – Casa de Banho (Toilet)
A expressão ‘casa de banho’ é substituída por ‘lavatório’, por ser uma palavra mais adequada.

2 - Perdão (Pardon)
A família real utiliza os termos 'desculpe?' ou 'o quê?' em vez de 'perdão' quando pretendem que alguém repita algo.

3 – Perfume (Perfume)
A rainha Isabel e os seus familiares jamais usam a palavra 'perfume' ou 'fragrância'. O termo que a realeza usa é 'aroma' (scent).

4 – Fino (Posh)
Esta expressão é muito utilizada para descrever as classes sociais mais altas, mas ainda assim, a família real opta por nunca expressar-se desta maneira preferindo o termo 'inteligente'. De acordo com a antropóloga social, Kate Fox, a palavra ‘fino’ é apenas usada em contexto "irónico, num tom de brincadeira, para mostrar que se sabe que esta é uma palavra de classe baixa".

5 – Chá (Tea)
Em alguma circunstância deve-se referir a refeição, ao final da tarde, da família real como 'chá' ou mais conhecido pela alta sociedade 'chá das cinco'. No palácio, subsitui-se por jantar (dinner) ou ceia (supper).

6 – Salão (Lounge)
Este termo é um dos proibidos da lista de regras da família real Britânica. No palácio, a família real passa o seu tempo em salas de estar (sitting rooms or drawing rooms).

7 – Pátio (Patio)
No palácio Buckingham, onde reside a família real Britânica, não são conhecidos pátios (pátios), mas sim terraços (terraces)

8 – Mãe e pai (Mum and Dad)
As crianças da realeza nunca chamam mãe ou pai aos seus progenitores. Para os filhos, mamã (mummy) ou papá (daddy) são os termos mais correctos. É assim que os príncipezinhos George e Charlotte tratam William e Kate.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;