Notícia

Tecnologia

Nónio é um sucesso. Mais de 1,5 milhões de portugueses rendidos à plataforma

O projeto que juntou os principais grupos de media portugueses quer manter competitiva a sua oferta no mercado.
02 de dezembro de 2019 às 14:17
...
Nónio é um sucesso. Mais de 1,5 milhões de portugueses rendidos à plataforma

Os principais grupos de comunicação social portugueses (Cofina Media; Global Media Group; Grupo Renascença Multimédia; Impresa; Media Capital e Público) juntaram-se e criaram um registo único para os leitores das edições online. Os últimos dados revelam que há mais de 1,5 milhões portugueses registados. 

"Os principais Grupos de Media portugueses juntaram-se no projeto Nónio para poder manter competitiva a sua oferta num mercado global, facilitando com um único registo a experiência dos seus utilizadores nas plataformas digitais", realça o comunicado enviado para as redações. 

"Até ao final deste ano, o projeto Nónio entrará numa nova fase: adota uma plataforma tecnológica comum - AppNexus - o que permitirá disponibilizar no mercado um novo Marketplace com segmentações de audiências transversais e simplificar todo o processo de compra para anunciantes e agências", acrescenta a mesma fonte. Nesta próxima fase, o jornal Público não vai acompanhar o projeto. 

"O projeto tem merecido o aplauso internacional de toda a indústria e originou diversos movimentos semelhantes por toda a Europa", salienta o comunicado.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Anónimo Há 1 semana

Notícia de completa propaganda. O Nónio é um fiasco total. Quando vê o pedido de registo, a maior parte das pessoas simplesmente ignora e não volta àquela página.

Anónimo Há 1 semana

Notícia de completa propaganda. O Nónio é um fiasco total. Quando vê o pedido de registo, a maior parte das pessoas simplesmente ignora e não volta àquela página.

Anónimo Há 2 semanas

Muitas pessoas estão reféns, não rendidos, nem todos conseguem fugir a ter que se registar para verem as notícias. É simplesmente deplorável venderem os dados dos utilizadores. Analisarem o que é mais visto em vez de se focarem em jornalismo de qualidade.

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável