Notícia

Lifestyle

Depois das velas com cheiro a vagina, Gwyneth Paltrow atacada pelas novas experiências da sua marca

A atriz de 47 anos de idade surge agora numa série da Netflix e está a dividir a Internet.
03 de fevereiro de 2020 às 20:18
Gwyneth Paltrow atacada depois de nova série da Netflix
A estrela de Hollywood mais uma vez debaixo de fogo por vender produtos sem supervisão médica no seu blogue e agora numa série
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow está mais convincente que nunca na nova série da Netflix e já está a criar o pânico entre os críticos da medicina alternativa.

Em 'The Goop Lab', a estrela de Hollywood fala de exorcismos energéticos, do uso de cogumelos mágicos para o tratamento de distúrbios da saúde mental e dietas rigorosas para recuperar ou manter a juventude. Tudo isso e mais é justificado pela Netflix ao longo de seis episódios com a frase: "A série foi criada para entreter e informar, mas não fornecemos aconselhamento médico".

O diretor-executivo do serviço público de saúde britânico (o NHS), Simon Stevens, acusa a série de espalhar "mitos" e "desinformação".

"A Goop acaba de lançar uma nova série de TV, na qual Gwyneth Paltrow e sua equipa testam tratamentos como 'facelift do vampiro' e apoiam um massagista que afirma curar tanto traumas psicológicos agudos quanto efeitos colaterais, apenas ao mover as mãos duas polegadas acima do corpo do cliente", diz o chefe do NHS citado pela 'BBC'.

Ver esta publicação no Instagram

What the fu*k is energy healer @drjohnamaral doing to people? All six episodes premiere this Friday Jan 24th on Netflix.

Uma publicação partilhada por Gwyneth Paltrow (@gwynethpaltrow) a

"A marca dela vende repelente para vampiros, diz que filtro solar químico é uma péssima ideia, promove a lavagem intestinal e máquinas para enema de café [técnica para lavagem do cólon através do ânus], apesar de apresentarem riscos consideráveis à saúde", continua, acrescentando que a Goop, como marca de beleza e bem-estar, está avaliada em 250 milhões de dólares (225 milhões de euros). 

Os ataques não se restringiram apenas a Gwyneth. Na Internet multiplicam-se as críticas à Netflix por ter dado palco a estes discursos. Há até quem esteja a apelar a um boicote à empresa de streaming.

Gwyneth Paltrow paga multa por vender ovos vaginais
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow

"Dar apoio para essa louca é pura insanidade. É perigoso brincar com o poder influenciador de uma atriz famosa com tratamentos de saúde alternativos que podem ser irreversíveis, ou pior, mortais", diz uma internauta no Twitter. 

"Não seria ótimo se as plataformas rejeitassem programas de m#$%& porque são sem dúvidas terríveis para a sociedade? Mas não, eles ouvem pessoas burras continuam a dar luz verde a mais m#$%&/ só por dinheiro. A Netflix merece uma forte bofetada", lê-se noutro tweet. 

Os defensores de Gwyneth

Apesar das críticas negativas, a atriz de 47 anos de idade ganha terreno e cada vez mais sucesso para a sua marca. O 'New York Times' tem esta segunda-feira, 3, um artigo de opinião sobre a série que questiona "o que há de tão terrível num grupo de adultos que buscam autoconhecimento, vitalidade e liberdade emocional". 

"O que está trás de todas as críticas esmagadoras, previsíveis e repetitivas?", lê-se ainda. "A palavra 'ciência' transformou-se num sinal de virtude, mas a ciência é simplesmente uma ferramenta e pode ser usada tanto para o bem quanto para o mal. A 'ciência' foi usada durante a primeira metade do século XX para impedir as mulheres de amamentar, incentivando-as a recorrer a fórmulas altamente lucrativas e paradas nas prateleiras, e a frascos de comida para bebé", exemplificam as autoras Elisa Albert e 

Para elas o Canábis tornou-se imprescindível. Conheça as atrizes internacionais que não largam esta planta
kim kardashian
Kim Kardashian
Kim Kardashian
Kim Kardashian
Kim Kardashian
kim kardashian
kim kardashian
kim kardashian
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow admitiu em 2010 no seu blogue pessoal que sofre com osteopenia, doença que provoca a diminuição da densidade dos ossos num grau inferior a osteoporose
Gwyneth Paltrow tinha 22 anos. Foi chamada a uma reunião com o produtor e o encontro envolveu toques e convites inapropriados:
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts
A atriz Emma Roberts em Armani Privé
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts com um vestido pouco favorecedor
Emma Roberts
kim kardashian
Kim Kardashian
Kim Kardashian
Kim Kardashian
Kim Kardashian
kim kardashian
kim kardashian
kim kardashian
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Gwyneth Paltrow
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts
Emma Roberts
after party looks, óscares, vanity fair
Emma Roberts
Emma Roberts

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável

;