'

Notícia

THE MAG - The weekly magazine by Flash!

Princesa Diana: o que falta saber sobre a noite da morte trágica, 25 anos depois

No próximo dia 31 de agosto, assinalam-se 25 anos sobre a morte de Lady Di, mas o que verdadeiramente se passou na fatídica madrugada em Paris continua envolvido em mistério. Das teorias aos factos, o que se sabe para já sobre a trágica morte de uma princesa adorada por todos.
25 de agosto de 2022 às 23:30
As imagens marcantes da história de Diana
A mãe dos príncipes William e Harry morreu aos 36 anos de idade, depois de um casamento e um divórcio polémicos
O anúncio do noivado com o príncipe Carlos é hoje estudado por vários especialistas, pela declaração pouco romântica do herdeiro ao trono britânico
O casamento de Diana e Carlos acabou por ter mais uma pessoa durante todo o tempo, Camilla Parker Bowles, segundo as próprias palavras de Diana. Camilla aparecia em público como amiga de Carlos e esteve no casamento dos dois
O casamento real, o mais mediático de sempre, aconteceu há 29 de julho de 1981
Princesa Diana
Princesa Diana
Carlos e Diana na lua de mel na Escócia
Princesa Diana, Isabel II
Princesa Diana
Princesa Diana
Diana e a mãe, Frances Shand Kydd
Diana com William ao colo e grávida de Harry
Diana com o príncipe Harry
Diana admitiu sofrer com depressão e distúrbios alimentares
Em algumas fotografias é possível ver que num momento mais dramático do casamento a princesa perdeu peso devido à depressão e bulimia
Os rumores de problemas no casamentos reforçaram-se quando Diana posou sozinha à frente do Taj Mahal, na Índia, um monumento dedicado ao amor
A 15 de Janeiro de 1997, Diana de Gales deslocou-se ao Huambo, em Angola, numa missão contra as minas terrestres. A imagem da princesa a andar num campo sem proteção chamou a atenção do mundo
Diana é recordada pelos filhos num documentário como "brincalhona"
Diana a dançar com John Travolta na Casa Branca, em 1985
A 29 de junho de 1994, Diana usou o icónico vestido de festa preto, que ficou conhecido como  "o vestido da vingança", numa festa da Vanity Fair, em Londres. Na noite anterior, o príncipe Carlos admitiu que tinha sido infiel
Diana fotografada por Mario Testino numa fase em que estava a recomeçar a vida
O famoso paparazzi das últimas férias de verão de Diana, em Saint Tropez, com Dodi al Fayed, que também morreu na Ponte de l'Alma, com Diana, num trágico acidente de carro
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana, camilla
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana, Isabel II
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana, Frances Shand Kydd
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana, angola
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana

Em 1997, no ano em que morreu, a princesa Diana estava no topo da lista das celebridades mais populares do mundo. A sua história tinha todos os ingredientes: ela era linda, generosa, dada a causas solidárias, membro de uma das famílias mais famosas de sempre, mãe extremosa, mas também a rebelde que não fazia o que lhe diziam e que tinha acabado de protagonizar um divórcio polémico com o filho da Rainha Isabel II, o príncipe Carlos.

As suas férias desse ano, no Sul de França, ao lado do novo namorado, o milionário Egípcio Dodi Al-Fayed, estavam, por isso, debaixo de todos os holofotes mediáticos. Mas o que aconteceu verdadeiramente na noite em que Diana morreu?

...
Princesa Diana e Dodi Al Fayed nas últimas férias juntos, em julho de 1997, em Saint Tropez Foto: getty images

A 30 de agosto, uma Lady Di bronzeada tinha acabado de chegar de uns dias de pura paixão a bordo do iate do namorado. Os dois haviam regressado a Paris e, no dia seguinte, a princesa deveria estar de volta a Inglaterra, onde reencontraria os filhos. Horas antes do acidente fatal, sabe-se que falou com William e Harry – então com 15 e 12 anos – ao telefone e que desfrutou de um jantar animado no restaurante do Hotel Ritz. Saiu já depois da meia-noite para conhecer a tragédia. Ao volante do Mercedes S280 seguia o motorista, Henri Paul, a seu lado o guarda-costas da princesa, Trevor Rees-Jones, e no banco de trás Diana e Dodi. Eram perseguidos por paparazzi, que tentavam captar a melhor imagem do casal e, minutos depois de terem abandonado o restaurante, pelas 00h20, chocaram, a mais de 100 km/h contra o 13º pilar da Pont D’Alma, bem no coração de Paris, numa zona em que a velocidade máxima permitida era de 50 km/h.

Acidente trágico da Princesa Diana
Diana e Carlos de Inglaterra com os filhos, William e Harry
William com a mãe, Diana de Gales. A princesa morreu num trágico acidente de viação, a 31 de agosto, de 1997
Diana com o filho Harry
princesa diana
Paul Burrell era mordomo e confidente da princesa Diana
Princesa Diana com o mordomo que agora faz revelações bombásticas
A princesa Diana morreu a 31 de agosto de 1997, deixando órfãos os príncipes William e Harry
Nas mensagens enviadas, Diana descreve detalhes da sua vida familiar, como o comportamento dos dois filhos, William e Harry
Carlos e Diana de Inglaterra com os filhos, William e Harry
A princesa Diana usava muitas vezes a Lady Dior tornando-se um dos rostos deste modelo da Dior
DIANA
Príncipe William, Princesa Diana
Diana, Harry, James
princesa diana
Princesa Diana
Diana
Diana
Diana
Princesa Diana

Dodi e o motorista – que durante a investigação se veio a provar estar alcoolizado – tiveram morte imediata e o guarda-costas foi o único sobrevivente. Diana, que à semelhança de todos os ocupantes do Mercedes, não levava cinto de segurança, morreu quando já estava no hospital. Antes disso, de acordo com o bombeiro que a socorreu, teve alguns momentos de lucidez. "Perguntou: ‘meu Deus, o que aconteceu?", revelou o profissional, detalhando que na altura a princesa revela sinais vitais "aparentemente fortes".

REANIMADA DURANTE UMA HORA

Mas quando chegou ao hospital público de Pitié-Salpêtrière, em Paris, pelas 2h06, os médicos já tinham consciência de que o real estado da princesa era mesmo muito grave. O primeiro raio-x revelou uma hemorragia interna extensa e Lady Di teve de receber várias transfusões de sangue, mas pouco tempo depois de ter chegado ao hospital sofreu uma nova paragem cardiorrespiratória [a primeira tinha sido ainda na ambulância], que viria a revelar-se fatal. Na altura, já tinha chegado à unidade de saúde mais consagrado cirurgião de França, que tentou em vão salvar a vida de Diana. Durante a operação, descobriu uma lesão ainda mais grave: uma fenda na veia pulmonar no ponto de contacto com o coração.

"Lutámos muito, tentámos muito, mesmo muito", disse, anos mais tarde, um dos médicos que a assistiu. Depois de uma hora em manobras de reanimação, o óbito foi declarado às quatro da manhã.

A relação da princesa Diana e do príncipe Carlos
O príncipe Carlos e Diana quando o casamento ainda corria bem. O casal ficou, oficialmente divorciado, em 1996
Carlos e Diana
Princesa Diana e príncipe Charles
Apesar de demonstrarem felicidade perante os fotógrafos, Diana só revelou, mais tarde, que conseguia chorar durante a lua de mel.
Diana e Carlos no dia do seu casamento
Diana e Charles com o pequeno William
Diana e Carlos com os filhos ao colo, respetivamente Harry com a mãe, e William com o pai
Harry e diana
A lua de mel dos príncipes de gales a Balmoral
william, harry, diana
william, harry, diana
Um dia antes do seu casamento, Diana passou por uma crise de bulimia
Diana e Carlos subiram ao altar no dia 29 de julho de 1981, naquele que foi considerado um dos casamentos de maior pompa do século XX.
Diana e Carlos separaram-se em 1992, pouco depois desta foto ter sido captada durante uma viagem oficial, onde era visível o afastamento entre o casal. O divórcio só foi oficializado em 1996
Alguns momentos do casal a dançar
princesa Diana e príncipe Charles
Depois de regressarem de Balmoral, Lady D falou com todos os tipos de de analistas e psiquiatras em busca de ajuda
Apesar do sorriso no rosto, Lady D ultrapassava uma dura depressão
O príncipe Carlos e Diana com os filhos, William e Harry. Carlos, Príncipe de Gales, deverá suceder à mãe, a rainha Isabel II
diana, carlos, príncipes
Carlos, Diana
Príncipe Carlos e Diana
Princesa Diana, príncipe carlos
Princesa Diana e príncipe Charles
Princesa Diana e príncipe Charles
carlos, camilla, diana
Princesa Diana e príncipe Charles
Princesa Diana e príncipe Charles
Harry e diana
Princesa Diana e príncipe charles
william, harry, diana
william, harry, diana
Princesa Diana e príncipe Charles
Princesa Diana e Príncipe Charles
Princesa Diana e príncipe Charles
Princesa Diana e príncipe Charles
princesa Diana e príncipe Charles
Princesa Diana e príncipe Charles
Princesa Diana e príncipe Charles
príncipe Carlos Diana e William e Harry
diana, carlos, príncipes
Carlos, Diana

O SILÊNCIO DA RAINHA

Mesmo na altura, e sem a rapidez das redes sociais, a notícia rapidamente correu o Mundo e, no dia a seguir ao acidente, milhares já se juntavam a chorar junto ao Palácio de Buckingham.

...
Notícias da morte da princesa Diana, nos jornais britânicos Foto: getty images

A rainha, que estava com William e Harry na Escócia, demoraria bem mais a reagir e só regressou a Londres vários dias após a tragédia, o que motivou duras críticas. A reação, essa, veio a público na véspera do funeral de Lady Di, numa mensagem difundida pela televisão.

...
Charles Spencer, irmão de Diana, William e Harry e Carlos durante o funeral da princesa Diana Foto: getty images

"Ela era um ser humano excecional e talentoso. Nos bons e nos maus momentos, nunca perdeu a capacidade de sorrir, nem de inspirar os outros com a sua gentileza. Admirava-a e respeitava-a pela sua energia e compromisso com os outros e, especialmente, pela sua devoção aos dois filhos. Esta semana, todos nós temos tentado ajudar William e Harry a aceitar a perda devastadora que eles e nós sofremos. Ninguém que conheceu Diana jamais a esquecerá", disse a rainha.

A vida da princesa Diana em imagens
Princesa Diana, Lady Di
Diana com o irmão, Frances Shand Kydd, quando tinha 6 anos
Diana adolescente
Princesa Diana com a mãe, Frances Shand Kydd
Lady Diana com Camilla Parker-Bowles, antes do casamento com o príncipe Carlos
Diana e Carlos de Inglaterra
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
O rei Juan Carlos, a rainha Sophia e o príncipe Felipe de Espanha com o príncipe Carlos de Inglaterra, a princesa Diana a os príncipes William e Harry
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana e Mário Soares
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Em julho são divulgadas as imagens de um documentário em que Harry e William falam pela primeira vez sobre a morte da mãe. Os príncipes partilham memórias no ano em que se assinala os 20 anos da morte de Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
A princesa Diana
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Diana e Carlos de Inglaterra
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana, Lady Di
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
Princesa Diana
A princesa Diana

No dia seguinte, a 6 de setembro, o corpo da princesa foi sepultado em Altroph, propriedade da sua família.

O ÚNICO SOBREVIVENTE

Trevor Ree-Jones, o guarda-costas de Diana, foi o único sobrevivente da tragédia. Após o acidente, foi levado para o mesmo hospital onde a princesa foi socorrida, sendo o seu estado muito delicado. Com múltiplas fraturas, uma lesão cerebral grave, foi operado várias vezes e esteve dez dias em coma. Quando ‘voltou à vida’, os momentos do acidente tinham-se perdido para sempre.

Trevor não se recorda da tragédia e a única memória que tem é de momentos antes. "Lembro-me de pararmos nuns semáforos e de ver uma mota [de um paparazzi] do lado direito do carro", disse em tribunal. Foi pressionado para tentar recordar-se do que aconteceu, mas a memória nunca voltou. Ele próprio assegura que nunca mais foi o mesmo depois da tragédia, com a imagem a sofrer uma grande alteração. Para reconstruírem o rosto do guarda-costas, os cirurgiões tiveram de recorrer a fotografias de Trevor, tendo usado 150 peças de titânio na sua reconstrução.

A PROCURA DA VERDADE

Ao longo dos últimos 25 anos, muito se escreveu sobre o fatídico acidente. O pai de Dodi, o milionário Mohamed Al Fayed, tem a teoria de que o filho e Diana foram assassinados, numa morte encomendada pela coroa britânica. Muitas outras especulações se sucederam e todas elas mereceram o olhar atento dos filhos da princesa, em especial de Harry, que estará a escrever um livro de memórias da mãe. Nele, promete relatar o que aconteceu antes do acidente fatal e também o sentimento de perda, sobre o qual já falou pontualmente.

"Deixou um enorme vazio em mim", disse o príncipe, que mantém a revolta pelo facto de os paparazzi terem continuado a fotografar Diana, mesmo depois do acidente, quando estava se encontrava ferida com gravidade no banco de trás. "Ela tinha um traumatismo grave na cabeça, mas estava viva. E as pessoas que causaram o acidente, em vez de a ajudarem estavam a tirar fotografias a morrer no banco de trás".

A princesa Diana com os filhos, William e Harry
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
William e Harry no funeral de Diana, em 1997
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana
william, harry, diana

Já William garante que mantém o legado da mãe bem vivo ao recordá-la constantemente aos filhos, para que saibam sempre a mulher especial que a avó foi.

ANIVERSÁRIO ESQUECIDO

Apesar da data redonda, em Inglaterra não há qualquer anúncio em relação a qualquer evento oficial para recordar a princesa do povo, no dia em que se assinala 25 anos da sua partida abrupta. À semelhança do que aconteceu no ano em que Diana perdeu a vida, a rainha fecha-se em copas e não anuncia qualquer homenagem.

No entanto, Inglaterra e o mundo farão questão de recordar que Lady Di continua bem viva na memória de todos. Uma mulher que, nos dias de hoje, seria certamente uma das pessoas mais seguidas nas redes sociais, que inspiraria milhões e cujo estilo seria copiado, ditando tendências. Ela já era isso tudo numa altura em que o culto da fama e das celebridades ainda estava a começar.

Saber mais sobre

Vai gostar de

você vai gostar de...