A princesa Diana morreu há 22 anos. As imagens marcantes da sua história

A mãe dos príncipes William e Harry morreu aos 36 anos de idade, depois de um casamento e um divórcio polémicos

O anúncio do noivado com o príncipe Carlos é hoje estudado por vários especialistas, pela declaração pouco romântica do herdeiro ao trono britânico

O casamento de Diana e Carlos acabou por ter mais uma pessoa durante todo o tempo, Camilla Parker Bowles, segundo as próprias palavras de Diana. Camilla aparecia em público como amiga de Carlos e esteve no casamento dos dois

O casamento real, o mais mediático de sempre, aconteceu há 29 de julho de 1981

Carlos e Diana na lua de mel na Escócia

Diana e a mãe, Frances Shand Kydd

Diana com William ao colo e grávida de Harry

Diana com o príncipe Harry

Diana admitiu sofrer com depressão e distúrbios alimentares

Em algumas fotografias é possível ver que num momento mais dramático do casamento a princesa perdeu peso devido à depressão e bulimia

Os rumores de problemas no casamentos reforçaram-se quando Diana posou sozinha à frente do Taj Mahal, na Índia, um monumento dedicado ao amor

A 15 de Janeiro de 1997, Diana de Gales deslocou-se ao Huambo, em Angola, numa missão contra as minas terrestres. A imagem da princesa a andar num campo sem proteção chamou a atenção do mundo

Diana é recordada pelos filhos num documentário como "brincalhona"

Diana a dançar com John Travolta na Casa Branca, em 1985

A 29 de junho de 1994, Diana usou o icónico vestido de festa preto, que ficou conhecido como "o vestido da vingança", numa festa da Vanity Fair, em Londres. Na noite anterior, o príncipe Carlos admitiu que tinha sido infiel

Diana fotografada por Mario Testino numa fase em que estava a recomeçar a vida

O famoso paparazzi das últimas férias de verão de Diana, em Saint Tropez, com Dodi al Fayed, que também morreu na Ponte de l'Alma, com Diana, num trágico acidente de carro

Notícia

Últimas

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
saraiva14 Há 2 semanas

E morreu muito bem! Já não andava cá a fazer nada! Já só andava a escandalizar a família Real britânica!