'

Notícia

Casas Reais

Álcool e vandalismo! Longe dos reis de Espanha, infanta Sofia atirada para polémica no País de Gales

Alunos do colégio interno onde estuda a infanta Sofia acusados de desacatos. Zarzuela apreensiva.
17 de setembro de 2023 às 19:05
As imagens da despedida da infanta Sofia, que partiu rumo ao País de Gales
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
rei felipe vi, rainha letizia, infanta Sofia, Jan
A infanta Sofia enfrenta uma nova etapa da sua vida, longe do reino de Espanha. A 29 de agosto, a irmã mais nova de Leonor despediu-se dos pais, o rei Felipe VI e a rainha Letizia, rumo ao País de Gales, país onde irá estudar nos próximos dois anos através do bacharelato internacional no UWC Atlantic College.

No entanto, esta nova aventura da infanta acaba manchada por uma polémica com os habitantes locais, que queixam-se de atos de vandalismo cometidos por alunos do colégio interno. Moradores de St Donat's, a cidade galesa onde está localizado o UWC Atlantic College, queixam-se do barulho feito pelos alunos do internato quando saem à noite, alguns deles às escondidas.

Os moradores relatam ao 'The Sun' que os alunos saem constantemente para festas e já há quem os apelide de "praga" porque "o alvoroço" causado perturba a tranquilidade da cidade. Para além do barulho e dos desacatos, os habitantes de St Donat's reclamam ainda por os alunos esgotarem as bebidas alcoólicas nos bares locais, ao deslocarem-se aos estabelecimentos em grupos de 30 pessoas.

O problema é o regresso à escola, com os alunos a causarem tumultos, que acordam a população. "Levanto-me muito cedo e tento ir dormir pelas 9 da noite, mas acordam-me sempre com a confusão quando regressam à escola", lamenta um dos vizinhos agricultores do UWC Atlantic College ao 'The Sun'. Os moradores queixam-se também da "música muito alta" que vem do interior da própria escola.

Responsáveis do colégio interno já vieram a público defender os alunos e negar as acusações. A escola explica que os seus 380 alunos estão integrados na comunidade local e que trabalham incansavelmente para garantir um ambiente de convivência ideal para todos. Todos têm toque de recolher e nos dias de saída devem regressar à escola às 20h30.

Ainda que o nome da infanta Sofia não tenha sido referido, a verdade é que estes acontecimentos causam apreensão na Zarzuela, com novas preocupações para Felipe VI e Letizia, ao verem a escola da filha mais nova envolvida em polémicas.

Saber mais sobre

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas