Notícia

Visita

Marcelo e rainha Sofia: relação de cumplicidade

Em Lisboa para presidir a uma conferência sobre o Alzheimer, a rainha Sofia, de Espanha, contou com a presença e amizade do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa. Marcelo tem uma relação de grande proximidade com a família real espanhola e, nesta visita a Lisboa, foi visível a cumplicidade com a rainha emérita.
19 de setembro de 2017 às 19:46

A rainha sofia de Espanha está em Lisboa para presidir, ao lado do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, à conferência sobre o Alzheimer e outras doenças neurodegenerativas, 'Alzheimer´s Global Summit', a decorrer na Fundação Champalimaud, de 18 a 22 de setembro, com o apoio da Fundação Rainha Sofia.

Antes de assistir à conferência, doña Sofia foi recebida em Belém pelo Presidente, onde foi oferecido um almoço em honra da monarca espanhola. A cumplicidade entre as duas figuras de Estado foi notória desde o primeiro minuto do encontro. É conhecida e é publica a forte relação de amizade entre Marcelo e a família real espanhola.

Recorde e visita dos Reis de Espanha, a Portugal
O Presidente à chegada ao jantar de Gala, no Paço dos Duques de Braganças, em Guimarães, com os reis de Espanha, Felipe VI e Letízia
Estes foram os sapatos oferecidos por Marcelo Rebelo de Sousa à rainha Letízia
A rainha sorriu aos jornalistas, em Lisboa, quando foi recebida, com o marido, Felipe VI, na Câmara Municipal da capital
Os reis de Espanha adoram Portugal. Felipe VI recordou as férias de verão, no Estoril; Letízia é apaixonada pelo nosso país
A mulher do primeiro-ministro, António Costa, Fernanda Tadeu, recebeu a rainha Letízia no Palácio das Necessidades, em Lisboa
Os reis de Espanha à chegada à embaixada do seu país, em Lisboa, onde foram recebidos pela comunidade espanhola
Na Fundação Champalimaud, com o Presidente e Leonor Beleza
Marcelo Rebelo de Sousa e Rui Moreira, presidente da Câmara Municipal do Porto, receberam Felipe VI e Letízia na Avenida dos Aliados
Meninos de vários colégios do Porto quiseram saudar a rainha de Espanha
O Presidente Marcelo mostrou-se sempre bastante atencioso para com a rainha Letízia, durante toda a visita de Estado, em novembro

Essa amizade ficou bem patente aquando da visita oficial dos reis Felipe VI e Letízia a Portugal, em fevereiro, e, mais recentemente, em agosto, Marcelo teve papel de destaque ao lado do casal real na Missa pela Paz, em Barcelona, após os atentados nas ramblas, que vitimaram 2 portuguesas.

Marcelo assiste ao lado de Felipe e Letizia às cerimónias de homenagem em Barcelona
marcelo rebelo de sousa
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe de Espanha
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
marcelo rebelo de sousa
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado
Marcelo, Letizia e Felipe em Barcelona depois do atentado

Na altura, Marcelo destacou a relação de amizade entre os 2 países. "Havia que testemunhar essa amizade, solidariedade e fraternidade em relação a um país que tem sido inexcedível em tudo, não apenas na presença agora no combate aos incêndios em Portugal", disse Marcelo Rebelo de Sousa aos jornalistas, acrescentando que essa "fraternidade tinha que ser traduzida" e que tinha de ser "exprimido" a todo o povo espanhol "aquilo que vai no coração de todos os portugueses".

A carregar o vídeo ...

Nesta terça-feira, Marcelo fez questão de enfatizar, uma vez mais, a proximidade entre Portugal e Espanha, com particular destaque à família real, tendo sido o anfitrião perfeito para a rainha emérita doña Sofia.

A monarca ressalvou o mérito da colaboração entre os 2 países, patente na organização desta conferência global, recordando que estamos perante "uma doença muito difícil porque tem origem na parte do corpo humano mais complexa, o cérebro".

Há mais de 15 anos que a Fundação Rainha Sofia trabalha no desenvolvimento da investigação para encontrar soluções que interrompam os efeitos da doença até que se encontre uma cura definitiva.

   

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!

Mais Lidas

+ Lidas

Instagram

Instagram

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável