Notícia

Confissão

Goucha acusa pai de homofobia e conta história dramática: "Então temos um maricas na família!"

Goucha deixou uma carta aberta ao seu pai, Luís Filipe, que viu muito raramente durante a infância e juventude. “Então temos um maricas na família!", terá dito o progenitor do apresentador da TVI, quando este tinha apenas 9 anos de idade.
25 de março de 2017 às 13:58
Manuel Luís Goucha: casamento, preconceito e falta de afetos
Manuel Luís Goucha apresenta-se agora com barba
Manuel Luís Goucha apresenta-se agora com barba
A única fotografia de Manuel Luís Goucha com o pai, Luís Filipe. O casamento entre os pais do apresentador, que tem um irmão mais novo, durou apenas 3 anos.
Rui Oliveira é o companheiro de Manuel Luís Goucha há cerca de 15 anos
Manuel Luís Goucha conta que quase não viu o pai, que era divorciado da mãe, durante a infância e juventude. Aos 9 anos, numa visita, o progenitor chamou-lhe "maricas".
Maria de Lourdes, hoje com 94 anos, criou os filhos sozinha e acabou por ser forçada a ser uma mãe ausente, o que também marcou o apresentador.
Manuel Luís Goucha e Teresa Guilherme quando trabalhavam juntos e todos pensavam que eram um casal, nos anos 90.
Manuel Luís Goucha é hoje um dos apresentadores mais queridos do público mas arriscou perseguir o seu sonho, sem certezas, ao sair de Coimbra sem nada, aos 18 anos de idade.
Manuel Luís Goucha no seu monte alentejano, onde costuma passar os seus dias de descanso.
Cristina Ferreira é a atual parceira de programa das manhãs, de Goucha, o 'Você na TV!' e também uma amiga, que lhe ligava todos os dias quando o apresentador esteve, recentemente, doente. Mas o "único amigo verdadeiro em televisão" é outro.
Manuel Luís Goucha é um amigo dos animais: na quinta alentejana tem vários cães.
Faneca, a gata do apresentador Manuel Luís Goucha, é a companheira de 4 patas residente em Fontanelas, a casa habitual de Goucha.
Manuel Luís Goucha e Rui Oliveira a trabalharem a terra no monte do Alentejo
Manuel Luís Goucha
Cristina Ferreira e Manuel Luís Goucha
goucha
Manuel Luís Goucha
O apresentador fez questão de dar uma justificação sobre o texto, no programa da manhã, 'Você na TV'
Goucha tem sido alvo de vários comentários negativos após o texto publicado no seu blogue, 'O cabaré do Goucha'
Manuel Luís Goucha
Manuel Luís Goucha
manuel luís goucha, goucha
Manuel Luís Goucha, Rui Oliveira
manuel luís goucha, goucha
Teresa Guilherme, Manuel Luís Goucha
Manuel Luís Goucha
manuel Luis Goucha
Manuel Luís Goucha
Manuel luís goucha
Manuel Luís Goucha, Rui Oliveira, Alentejo
Manuel Luís Goucha
Cristina Ferreira, Manuel Luís Goucha, TVI
goucha
Manuel Luís Goucha
Manuel Luís Goucha
Manuel Luís Goucha
A conhecida boa disposição de Manuel Luís Goucha esconde um passado traumático relacionado com o seu pai, Luís Filipe.

O apresentador do 'Você na TV', da TVI, já tinha contado que vira o progenitor "espaçadamente" durante a sua infância e juventude e que este se divorciara da sua mãe quando Goucha tinha apenas 3 anos. Mas, agora, numa carta deixada no seu blogue, Goucha explicou o triste motivo por detrás da rejeição.

O apresentador, que nasceu no dia 25 de dezembro de 1954, mostrou "a sua única fotografia" com o pai, começando por escrever: "Em que estarias a pensar quando me pegaste ao colo? Sei que torceste um pé, tais os pulos de contentamento por eu ter nascido, naquele dia de Natal. Olha que bela prenda a vida te deu!".

No entanto, apesar da felicidade inicial do pai com o seu nascimento, Goucha depressa revelou um episódio marcante da sua infância e que terá sido determinante na relação posterior entre pai e filho.

"Deve ter sido um choque para ti quando, anos mais tarde, tinha nove não o esqueci, apareceste lá em casa para nos ver e te disseram que do que eu gostava era de teatro, de ópera, de música e bailado clássicos... (...) Lembras-te de como reagiste? Recordo-o, como se o tivesses acabado de dizer: "então temos um maricas na família!", contou Goucha, que é homossexual assumido e vive uma relação de longa data com Rui Oliveira. 

O apresentador admitiu ainda que, apesar de muito pequenino, já tinha percebido que era "diferente": "Apesar dos tempos serem de calar a diferença, já havia percebido que eram alguns homens que faziam pulsar o meu, ainda pouco decifrável, desejo", escreveu.

AMOR DE MÃE

Porém, graças ao amor e o apoio incondicional da sua mãe, Maria de Lourdes Sousa, Manuel Luís Goucha tornou-se um homem confiante, apesar do ressentimento pelo pai que o acompanharia pela vida fora. "O maricas fez-se homem, balizando-se em valores que considera justos e universais, pouco ligando ao juízo dos de fora, quando o único que me interessava, o da mãe, escutei-o aos dezoito, já eu era por minha conta e risco: "só quero que sejas feliz!", contou.

Goucha termina o texto com o desejo de que as coisas tivessem sido diferentes. "Não foste pai, o meu pai, porque não quiseste, não soubeste ou não te deixaram ser! E eu, não fui filho, o teu filho. Estamos quites! Pena que tal facto não me sossegue, já que tudo ficou por dizer!", concluiu.

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
neves pinto 25.03.2017

Tudo bem,mas não se percebe como um homem pode viver com outro homem a "vida de um casal"... A vida tem destas coisas esquisitas !... Não dá para compreender... porque a mulher e o homem foram feitos para se multiplicarem...e dois homens ou duas mulheres não o podem fazer!... É uma tristeza !...

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável