Notícia

Surpresa

Inesperado! Infeliz, devastada e doente, Raquel Tavares põe um ponto final na carreira

Fadista surpreendeu ao anunciar um ponto final na sua vida artística ao fim de 28 ano a cantar. "Eu já estava incapaz há muito tempo".
09 de janeiro de 2020 às 12:19
Raquel Tavares anuncia adeus aos palcos e não controla as lágrimas
Canta desde menina mas já não aguenta a pressão de ser artista e ter de cantar para "ganhar a vida". Deixará a vida artística... sem prazo para voltar.
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Cláudio Ramos
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Raquel Tavares e Cristina Ferreira
Cláudio Ramos
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares deu o grito de socorro na manhã desta quinta-feira. A fadista veio a público anunciar o fim da carreira, aos 34 anos de idade. Um ponto final de 28 anos a cantar. Com um testemunho emotivo e dorido, Raquel revelou publicamente as razões que a levaram tomar a "decisão mais difícil da vida".

A cantora foi convidada de Cristina Ferreira na manhã desta quinta-feira e revelou todo o drama que tem sido a sua vida no último ano, em que se sentiu profundamente infeliz com a vida artística, algo que, afinal, nunca ambicionou.

"O ritmo da vida artística é tão rápido, que deixei de ter vida. Cheguei uma fase em que estava doente. "Eu já estava incapaz há muito, muito tempo e fui para lá daquilo que é o limite", assume Raquel Tavares, de lágrimas nos olhos.

Apesar da profunda tristeza e angústia que a vida de artista lhe causou, a fadista não renega as coisas boas. "Atenção que estou profundamente grata a todas as oportunidades que me deram", diz. O pior chegava com o fim dos concertos, no camarim, sozinha: "Chegava ao camarim e sentia que estava vazia. No último ano e meio, subia ao palco, muitas vezes, doente, fragilizada. Desculpem, mas eu não estava capaz. Quando acabava o concerto de duas horas já só me queria esconder. Tantas vezes eu tive de entrar dentro da carrinha, tapar-me com uma manta e chorar muito porque tinha miúdos pequenos que só queriam um autógrafo ou uma fotografia e eu não estava capaz de dar."

A sensualidade (despida) de Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Raquel Tavares
Ao longo deste tempo perdeu 10 quilos, teve uma faringite grave e fez cerca de 20 concertos doente, com febre. Ainda assim, atuava, por mais difícil que fosse. No coliseu Micaelense chorou "copiosamente" durante 20 minutos. "O meu corpo gritou para muitas vezes. Eu fiquei mesmo doente. Eu emagreci dez quilos em mês e meio, tinha sintomas graves, contraí uma faringite que é a pior coisa que pode acontecer a um cantor. Estive quase dois meses a cantar – e estamos a falar de 20 concertos – doente, com muita febre. Muitas vezes a não saber se era capaz", diz. "Na minha cabeça, este é um ponto final", garante.

Ver essa foto no Instagram

??

Uma publicação compartilhada por Cristina Ferreira (@dailycristina) em


"Antes de sermos artistas, somos pessoas. Eu não sou uma figura pública, sou uma artista, eu gosto é de cantar. (...) Eu chego a casa e estou sozinha. Estou muito sozinha. Eu não construí nada. Eu parei e aos 35 anos, que faço depois de amanhã [11], e pensei: o que é que eu tenho? (…) Isto consegue ser uma profissão em que estamos rodeados de gente e estamos aos gritos e ninguém nos ouve. Pode ser uma profissão muito solitária (…) Eu estou dorida, estou profundamente infeliz por ter que tomar esta decisão."

Comentários

Comentários
este é o seu espaço para poder comentar as nossas notícias!
Paulo Tavares Há 2 semanas

Sempre Raquel, uma pessoa que se deslumbrou e mostrou o fado de forma paixonante trazendo ao público o melhor que sabe.
Penso que todos os portugueses, terão orgulho na Raquel Tavares, não só pela música mas como mulher que é. Força Raquel

Vítor Há 2 semanas

Foi se encontrar com o amor de longe para sempre

Emma Silva Há 2 semanas

http://getmeets.com - um ótimo projeto para adultos que procuram um parceiro sexual!

Anónimo Há 2 semanas

A maioria de nós, a não ser para 1 dúzia de familiares e amigos, é insignificante no meio dos 7 bilioes de humanos que andam por ai.

Mas tu Raquel, tu es significante!
Tu alcançaste a significancia tao almejada por Calvin em Calvin & Hobbes. Nao a deites fora...

Faz uma pausa. Tira umas férias longas, bem longas, mas depois volta...
Estou convencido que vais querer voltar.
Afinal, tal como Antonio Variacoes já cantava:

Porque eu só estou bem
Aonde eu nao estou
Porque eu só quero ir
Aonde eu nao vou

ver mais comentários

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diáriamente todas as noticias de forma confortável