'

Notícia

Saúde

Com uma doença genética e mãe de uma bebé de 5 meses, Andreia Rodrigues reclama de cansaço

A apresentadora da SIC continua a trabalhar enquanto está a amamentar e a cuidar da filha bebé e agora sente as consequências.
28 de agosto de 2021 às 12:42
Momentos únicos! As fotos mais íntimas de Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
andreia rodrigues
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
andreia rodrigues
andreia rodrigues
andreia rodrigues
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
andreia rodrigues
Andreia Rodrigues com as filhas
Andreia Rodrigues com as filhas
andreia rodrigues
andreia rodrigues
andreia rodrigues
Andreia Rodrigues revelou este sábado, 28, que a doença genética que lhe foi diagnosticada recentemente está a causar desconforto durante o pós-parto.

Questionada por uma seguidora nas Instastories sobre como vive com o síndrome de Gilbert, a apresentadora de 'Quem quer namorar com o agricultor?' disse que normalmente não lembra que tem a doença.

"Só quando os meus olhos ficam com uma coloração diferente e me sinto mais cansada do que seria expectável, o que tem acontecido alguma vezes ultimamente... O pós-parto é duro e o síndrome de Gilbert tem intensificado o cansaço. Mas, segundo me foi explicado pelo médico, é apenas uma condição com a qual convivemos tranquilamente!".

Andreia, de 37 anos de idade, revelou no ano passado o diagnóstico. "É uma anomalia genética, não é nada de importante mas eu tenho uma enzima a menos no fígado", explicou no antigo 'Programa da Cristina'.

"Nós todos os dias temos morte natural de glóbulos vermelhos. O meu fígado não processa à mesma velocidade a morte dos glóbulos vermelhos", afirmou. Se fizer "fizer jejuns muito grandes, exercício de alta intensidade e não descansar" fica muito cansada. Na altura, Andreia dizia que a condição não tinha "qualquer impacto" no quotidiano.

A carregar o vídeo ...
O casal trocou a alianças a 24 de Junho de 2017, numa cerimónia intima restrita a familiares e amigos próximos.

Vai gostar de

você vai gostar de...

Mais Lidas

+ Lidas

Newsletter

Newsletter

Subscreva a newsletter e receba diariamente todas as noticias de forma confortável
Subscrever